AL firma convênio para transmissão da Rádio da Justiça do Trabalho

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

A Assembleia Legislativa firmou mais uma parceria para levar informações à população. A assinatura do Termo de Cooperação Técnica com o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) 23ª Região cede o espaço físico e infraestrutura da ALMT para a implantação e operação do sistema de transmissão da Rádio FM da Justiça do Trabalho, por 60 meses. O convênio foi firmado nesta quarta-feira (14) entre o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), e a presidente do TRT-23ª Região, desembargadora Eliney Veloso.

“Através dessa parceria com a Assembleia é que vamos conseguir espaço apropriado para a instalação do transmissor. É um momento histórico para o Tribunal e para a Justiça do Trabalho. Esta é a primeira rádio FM da Justiça do Trabalho, então é um projeto inédito e estamos trabalhando com bastante afinco para que ainda no primeiro semestre do próximo ano possamos inaugurar e tornando-a efetiva, com uma programação de cunho informativo, prestando contas à sociedade das ações praticadas pelo tribunal e pelas instituições parceiras que também utilizarão esse espaço também”, disse a presidente Eliney.

Desde que foi implantada há pouco mais de três anos, a Rádio Assembleia se tornou referência no Brasil, sendo a primeira emissora brasileira a integrar a Rede Legislativa de Rádio. E, agora, firma o convênio para contribuir com o TRT-23ª Região. Para o presidente Botelho, a ação demonstra que a ALMT trabalha em harmonia com todos os Poderes. Tanto que já firmou parcerias com o Tribunal de Contas do Estado, Tribunal Regional Eleitoral e com as câmara municipais.

“Essa parceria com o Tribunal vai ser importante para levar conhecimento ao cidadão sobre as leis, as ações trabalhistas, as sessões de julgamentos, e a Assembleia participa desse momento histórico. Levar esclarecimentos para a população que podem ajudar, inclusive, a diminuir custos. Hoje, somos um dos países que mais tem ações trabalhistas e a população cobra isso. Essa rádio vai contribuir com o fortalecimento da Justiça do Trabalho, sobretudo, com o trabalhador e empresário que dependem das decisões julgadas pelo pleno”, afirmou o parlamentar.

Também participaram o primeiro-secretário da ALMT, deputado Guilherme Maluf (PSDB), o juiz auxiliar da Presidência, Ivan José Tessaro, o coordenador de Comunicação TRT, Nelson Ferraz, o superintendente e o gerente da Rádio Assembleia, Clenon Borges e Jaime Neto, respectivamente.

Comentários Facebook