Bussiki cobra esclarecimentos sobre implantação de rodízio de veículos

25/04/2018
Bussiki cobra esclarecimentos sobre implantação de rodízio de veículos
Brunna Maria – Secom/Câmara de Cuiabá

Vereador Marcelo Bussiki (PSB)
O vereador Marcelo Bussiki (PSB) fez um requerimento nesta terça-feira (24) cobrando esclarecimento do Executivo sobre o estudo executado pela Secretaria de Mobilidade (Semob) para a implantação do sistema de rodízio de veículos em Cuiabá.
A possibilidade de implantação foi informada pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), em entrevista à imprensa. Na ocasião, ele citou que existe o interesse por parte da Semob, de adotar o rodízio, até o final da gestão, a fim de melhorar o trânsito na Capital.
Caso a ideia estudada seja semelhante ao que ocorre em cidades como São Paulo, o rodízio seria feito por meio da numeração das placas dos veículos e em horários de pico.
Para o vereador Marcelo Bussiki, que é contra a ideia, é importante o esclarecimento da medida, em razão de que ela não pode ser considerada a primeira opção do Município para melhorar o trânsito de Cuiabá e diminuir os transtornos causados devido ao grande número de veículos.
“Nossa cidade precisa de um amplo planejamento de trânsito, investimento em sinalização, educação para o trânsito e, principalmente, a melhoria do transporte coletivo. Então, existem outros problemas no trânsito que precisam ser solucionados antes de sequer pensar em uma alternativa como essa”, ressaltou.
Bussiki apontou ainda a importância de que esse assunto seja amplamente debatido desde seu início, de modo que não se torne uma medida contestada pela população em razão de sua possível ineficiência, como ocorreu com a implantação dos semáforos inteligentes.
“Sei que ainda está em estudo e avaliação do prefeito, mas é preciso que tenha a participação da sociedade dentro desse processo de construção da ideia, para não se tornar o que está ocorrendo com os semáforos inteligentes, que, na prática, estão piorando o trânsito de Cuiabá, ao invés de melhorar”, disse.
Um dos locais de maiores reclamações da população é na rotatória da Avenida Beira Rio próximo à Ponte Sérgio Motta, onde foi implantado um conjunto semafórico que tem gerado o aumento da fila de veículos, principalmente em horários de pico. Ao todo, a Prefeitura de Cuiabá pretende instalar 125 conjuntos semafóricos nos cruzamentos da capital.
Assessoria de Imprensa/Vereador Marcelo Bussiki

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Comentários Facebook