Dr. Xavier fiscaliza obras do PSF do Jardim Independência

class”gs””””” style”margin:”””” 0px”””” padding:”””” 20px”””” width:”””” 1705.59px”””” color:”””” rgb(34,”””” 34,”””” 34)”””” font-family:”””” roboto,”””” robotodraft,”””” helvetica,”””” arial,”””” sans-serif”””””>

Vereador quer imediata agilização dos serviços, a fim deque a unidade de Saúde seja reinaugurada o mais breve possível. Destacouque o último prazo anunciado pela Secretaria de Saúde {para conclusão da reforma} já venceu. As cobranças dos comunitários têm sido frequentes”, aponta

“Ao contrário do que foi prometido pela Secretaria de Saúde aos moradores do Jardim Independência, na última reunião realizada no Centro Comunitário local, final de 2018, as obras do PSF local ainda não foram finalizadas. Isso tem ocasionado insatisfação geral no bairro, pois o PSF registrava expressivo atendimento diário. Há pacientes no Independência que necessitam de assistência regular. Em decorrência dessa longa paralisação, com transferência dos serviços prestados pelo PSF para o Posto da Cidade Alta, muitos simplesmente abandonaram o tratamento”. Esse desabafo é do vereador Dr. Xavier, que esteve ontem (7) fiscalizando a situação do PSF do Independência, oportunidade em que registrou queixas gerais.

Os moradores sublinharam não acreditar mais em prazos anunciados pela Municipalidade, referindo-se à última declaração do diretor de Obras da Secretaria de Saúde. Dr,. Xavier disse que são cobranças justas, evidenciadas pela necessidade dos comunitários na área de Saúde. Salientou que a gestão da Pasta Municipal já quitou todas as pendências financeiras com a empresa responsável pela condução dos serviços no PSF, e, portanto, não há mais justificativas para protelar o andamento acelerado dos serviços.

“Verifiquei estar havendo é muita morosidade em relação a esse empreendimento. Vocês têm plena razão em cobrar, até mesmo de exprimir sentimento genuíno de revolta. Afinal, essa unidade está paralisada há tempos, e a promessa seria de entregá-la há meses, totalmente reformada. Bem sei o quanto é oneroso para muitos se deslocarem diariamente até o Posto da Cidade Alta, instituição que responde provisoriamente pelo atendimento antes prestado pelo PSF aos moradores do Independência”.

O vereador observou que o Posto de Saúde da Cidade Alta também está sobrecarregado, por conta do acúmulo de pacientes do PSF do Independência. “Sendo assim, não consegue cumprir o atendimento desejado, por maior que seja a boa-vontade dos servidores ali lotados. Os clínicos do PSF do Independência agora atuam lá, colaborando. Mas o espaço é insuficiente, incapaz de comportar a demanda atual”.

Dr. Xavier ainda disse que, na reunião, a Secretaria de Saúde mostrou aos comunitários do Independência o cronograma de serviços no PSF, prevendo a finalização da reforma no início de 2019, no máximo.”Não foi citado nenhum possível atraso nos serviços. O diretor de Obras da Secretaria de Saúde explicou detalhadamente os impasses existentes naquele PSF{para a retomada das obras},bem comoas soluções viabilizadas pela administração. Em síntese: estamos em fevereiro, e, até agora, na prática, nada aconteceu no ritmo anunciado”.

CENTRO DE SAÚDE DO NOVO TERCEIRO– Já no Novo Terceiro, o vereador Dr. Xavier reuniu-se com lideranças locais, oportunidade em que repassou a promessa do secretário de Saúde do município, Luiz Antônio Possas de Carvalho, externada em visita recente ao Legislativo. Possas garantiu ao parlamentar que a unidade local do Novo Terceiro será entregue reformada e ampliada até julho próximo. O vereador sublinhou ser “esse mais um prazo para ser acreditado”.

“Já cobrei antes, por incontáveis vezes, e continuo cobrando a finalização dos serviços no Centro de Saúde do Novo Terceiro. Julho está bem aí, e esperamos, efetivamente, que aquele bairro tenha o seu Centro de Saúde de volta, 100% reformado e capaz de atender dignamente, além de dotado com setor odontológico. É outra luta incessante nossa, no Parlamento”.

Ele pontuou que o Novo Terceiro é um dos bairros carentes mais populosos da capital, e a área de Saúde local padece há mais de um ano, em função do abandono que esse Posto foi relegado. “Criou-se, na verdade, uma expectativa otimista, de que as obras de reforma/ampliação seriam concluídas num prazo “x”. No entanto, a empresa responsável pelos trabalhos faliu, e a paralisação se estendeu meses afora. Adotadas outras providências de praxe, o secretário voltou a estabelecer novo prazo”.

João Carlos de Queiroz – Assessoria de Gabinete – Vereador Dr. Xavier

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Fonte: Câmara de Cuiabá
Comentários Facebook