Fiat Argo supera Polo nas vendas de junho. Kwid lidera entre os subcompactos


Fiat Argo deu o troco no VW Polo, que se mantinha estável na 5ª colocação de sua classe
Caue Lira/iG

Fiat Argo deu o troco no VW Polo, que se mantinha estável na 5ª colocação de sua classe

Apesar do péssimo momento do mercado automotivo como um todo, o segmento dos hatches – o mais expressivo do mercado – foi agitado no mês de junho. Isso porque, apesar do Chevrolet Onix seguir na liderança (16.218 unidades, com alta de 9 pontos percentuais em relação a maio e ¼ do total de vendas da categoria), o Fiat Argo entrou no Top 5 pela primeira vez. Com 5.485 unidades, seu melhor resultado em 2018, o Fiat deixou para trás o VW Polo (4.974), também superado pelo VW Gol (5.029).

LEIA MAIS: Veja 15 dicas fundamentais para a compra e venda de carros pela internet

Enquanto isso, ainda na classe do Fiat Argo , o Hyundai HB20 (8.292), vice-líder pelo terceiro mês seguido, caiu 14,7% e viu recuar a sua vantagem em relação ao Ford Ka (7.833). O mês fervilhante também influenciou sobre o Renault Sandero (6.139), que mesmo emplacando quase 1/3 há menos do que no ano passado, cresceu quase 66% sobre maio e pulou da sétima para a quarta posição, graças ao seu melhor momento desde julho passado (6.663). Agora vendido apenas em duas versões, ambas com motorização 1.6, o VW Fox (3.265) deixou o Toyota Etios Hatch (2.907) para trás.

LEIA MAIS: Saiba quais são os 10 carros menos vendidos no Brasil em 2018


Entre os subcompactos, a oscilação das vendas do Kwid (desta vez) levou para cima os seus emplacamentos
Divulgação

Entre os subcompactos, a oscilação das vendas do Kwid (desta vez) levou para cima os seus emplacamentos

Já entre os subcompactos, o Renault Kwid domina a classe com um total de 43% de participação – apesar do seu fraco desempenho 14,5% inferior em maio – ou 5004 emplacamentos. Isso resultou em uma sutil abertura em relação ao Fiat Mobi, que ficou com 4.435, ou um rendimento 30% pior que há um ano. Enquanto isso, o VW Up! segue no vermelho, com apenas 1.792 emplacamentos, ou 44,2 pontos percentuais abaixo do ano passado. Por fim, o Chery QQ vende apenas 239 unidades.

LEIA MAIS: Confira 5 itens que desvalorizam o carro na hora da revenda

Concluindo o top 10, o Honda Fit (1.740) não vendia tão pouco há 10 meses. Primeiro fora do pelotão de cima, o Ford Fiesta (1.426) não fugiu à regra da maioria dos modelos e vendeu menos do que há um ano. Aguardando nova geração, o Nissan March (1.038) segue na lanterna.

LEIA MAIS: Conheça 5 carros seminovos para você fugir na hora da compra

Longe de tudo e todos, o um dia tão popular Fiat Uno (427) foi novamente o destaque negativo, atrás de Peugeot 208 (529) e de Citroën C3 (466), dois modelos que também passam por dificuldades. Este foi possivelmente o pior resultado do modelo desde o lançamento em 2010.

Fechamento do semestre


Chevrolet Onix segue o mais querido do Brasil, seja pela oferta de equipamentos, ou pela variedades de versões
Cauê Lira/iG Carros

Chevrolet Onix segue o mais querido do Brasil, seja pela oferta de equipamentos, ou pela variedades de versões

Entre os modelos de entrada, o Renault Kwid (29.678) assegurou quase 5 mil unidades de vantagem sobre o Fiat Mobi (25.003). O VW Up! (9.797), por sua vez, encerrou o semestre vendendo pouco mais de 1,6 mil unidades mensais, praticamente a metade do registrado há um ano. Enquanto isso, o Chery QQ (1.616) registrou incremento de quase 80%. Entre os esquecidos pelos consumidores, Kia Picanto (115) e Fiat 500 (10).

Já na classe superior, o Chevrolet Onix, em alta de quase 8%, se aproximou das 90 mil unidades emplacadas (89.623), quase 40 mil a mais do que o Hyundai HB20 (50.427), que viu uma perigosa aproximação do Ford Ka (48.264). Novato, o Polo (34.143) superou o veterano Gol (32.519) numa disputa interna da VW.

Quarto em 2017, o Renault Sandero (25.094) caiu para o sétimo lugar, superado pelo Fiat Argo (27.986). Muito próximos, Toyota Etios (19.511) e VW Fox (18.727) vieram na sequência, ambos em baixa. Em 10º, o Honda Fit (13.834) cresceu quase 9% e garantiu boa vantagem sobre o Ford Fiesta (8.978).

Batido pelo Nissan March (6.592), o Fiat Uno (4.761) teve o pior semestre de sua história, com queda de quase 80% nas vendas. Mostrando o mau momento de suas marcas no país, Peugeot 208 (3.994) e Citroën C3 (3.639) só venderam mais do que Palio (345) e Punto (15), dois modelos já descontinuados pela Fiat, e do que o Chery Celer (112), um ilustre desconhecido pelo mercado. O Toyota Yaris Hatch, com 214 emplacamentos, começou a ser distribuído apenas em junho.

Veja as colocações a seguir e os números de unidades emplacadas em junho, com destaque para o Fiat Argo na frente do rival VW Polo, pela primeira vez. 

Subcompactos

1º – RENAULT KWID: 5004 UNIDADES

2º – FIAT MOBI: 4435 UNIDADES

3º – VW UP!: 1792 UNIDADES

4º – CHERY QQ: 239 UNIDADES

5º – KIA PICANTO: 115 UNIDADES

6º – FIAT 500: 10 UNIDADES

TOTAL: 11472 UNIDADES

Compactos

1º CHEVROLET ONIX: 16218 UNIDADES

2º HYUNDAI HB20: 8292 UNIDADES

3º FORD KA: 7833 UNIDADES

4º RENAULT SANDERO: 6139 UNIDADES

5º FIAT ARGO: 5485 UNIDADES

6º VW GOL: 5029 UNIDADES

7º VW POLO: 4974 UNIDADES

8º VW FOX: 3265 UNIDADES

9º TOYOTA ETIOS HATCH: 2907 UNIDADES

10º HONDA FIT: 1740 UNIDADES

11º FORD FIESTA: 1426 UNIDADES

12º NISSAN MARCH: 1038 UNIDADES

13º PEUGEOT 208: 529 UNIDADES

14º CITROËN C3: 466 UNIDADES

15º FIAT UNO: 427 UNIDADES

16º TOYOTA YARIS HATCH: 208 UNIDADES

TOTAL: 66.004 UNIDADES

Comentários Facebook