Usain Bolt pode ser treinado por Maradona em time da 2ª divisão do México


Usain Bolt durante sessão de treinos no Borussia Dortmund
bvb.de/Divulgação

Usain Bolt durante sessão de treinos no Borussia Dortmund

O Dorados de Sinaloa , time da segunda divisão mexicana, treinado pelo argentino Diego Maradona , tem interesse em contar com mais um astro em seu elenco, o ex-atleta jamaicano Usain Bolt, que tenta carreira no futebol.

Leia também: De olho na Champions, clube maltês oferece dois anos de contrato para Usain Bolt

De acordo com o jornal “El Universal”, do México, o desempenho de Maradona como treinador agradou a diretoria do clube, que poderá fazer um esforço para a contratação de Usain Bolt .

Outra interessada na negociação é a marca de relógios “Hublot”, que patrocina as duas lendas do esporte, e poderia ajudar na concretização dessa parceira no Dorados.

Com moral no país, Maradona já levou o clube até as semifinais da Liga de Ascenso, e pode conseguir o acesso para a primeira divisão.

Leia também: Moradores de condomínio proíbem mudança de Maradona no México

Visualizar esta foto no Instagram.

🗣 🗣 🗣 ‼️ #ConElPezPorLaFinal.

Uma publicação compartilhada por Dorados de Sinaloa (@doradosoficial) em 19 de Nov, 2018 às 9:03 PST

Segundo a imprensa mexicana, o argentino recebe cerca de 150 mil dólares por mês, o segundo maior salário de treinador no México, perdendo apenas para o técnico da seleção, o brasileiro Tuca Ferreti, que recebe mais de 300 mil dólares mensais.

Já o jamaicano estreou como jogador em agosto, e marcou os dois primeiros gols de sua carreira em um amistoso diante do Macarthur South West United, em Sydney (assista ao primeiro abaixo). Esse também foi o primeiro jogo de Bolt como titular na equipe australiana.

Leia também: Usain Bolt gera polêmica ao vestir camisa “feminista” em festa de Carnaval

Desde que se aposentou do atletismo, no ano passado,  Usain Bolt  tenta conseguir se firmar no futebol e já passou por períodos de testes no Borussia Dortmund, da Alemanha, e no Mamelodi Sundowns, da África do Sul.

Comentários Facebook