‘Sorria Várzea Grande’ já atendeu mais de mil crianças da Rede de Ensino

O projeto Sorria Várzea Grande, promovido pela Prefeitura de Várzea Grande por meio da Secretara Municipal de Saúde e em parceria com o Centro Universitário de Várzea Grande (UNIVAG), já atendeu mais de mil crianças da Rede Pública de Ensino desde que começou a ser desenvolvido no município.  Nesta segunda-feira, 12, o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Wilson Sodré Farias, no bairro Jacarandá, começou a executar o projeto que atenderá 330 crianças. A primeira etapa seleciona os pequenos que necessitam de atendimento e especificam quais. Também recebem atividades lúdicas e kits de higiene bucal contendo uma escova de dente, creme dental e fio dental.

O “Sorria Várzea Grande” atendeu mais de mil alunos, desses 805 já tiveram o tratamento concluído dentro da própria unidade de ensino e 81 encaminhados para o Centro de Especialidades Odontológicas de Várzea Grande (CEO), para tratamentos de maior complexidade, e 115 em fase de conclusão. 

O projeto visa incentivar a prevenção da saúde bucal e facilitar o acesso das crianças ao Centro Odontológico. Além dos alunos, professores e servidores da unidade também são inseridos nos trabalhos de orientação e prevenção. A primeira etapa do programa é trabalhar com os pais e servidores quanto a importância de cuidar da saúde bucal nessa fase da criança, que é a partir de um ano de idade. Todo o trabalho com as crianças é realizado com autorização dos pais e dentro da sala de aula. “O objetivo é realizar os exames e tratar desses pacientes dentro do habitat natural dele, sem interferir na rotina”, é o que explica a coordenadora do projeto Noemi Oliveira.  

Noemi explica que o objetivo principal do “Sorria Várzea Grande”, que trabalha com a prevenção, é disponibilizar atendimentos a todos sem interferir nos atendimentos de quem realmente necessita. “Desde o inicio do projeto já finalizamos 805 atendimentos, desses apenas 81 foram encaminhados para o centro. Ou seja, resolvemos lá na ponta, trabalhando com procedimentos mais simples e incentivando a prevenção, sem necessitar de um tratamento mais complexo. Além disso facilita o acesso dos pacientes para os atendimentos, por que muitos pais não tem tempo de levar os filhos as consultas agendadas”, frisa Noemi.           

O projeto é desenvolvido em conjunto com alunos do curso de odontologia do UNIVAG,sob a orientação e apoio de um ou dois dentistas, dependendo da equipe, os alunos realizam todo o trabalho de triagem, exames e tratamentos das crianças. A aluna do 8º semestre de odontologia, Karynne Gomes, fala da experiência enriquecedora não só pra ela, mas para toda a turma que acompanha o projeto desde o inicio do ano. “Os esforços são para passar o conhecimento de cuidados e prevenção aos pequenos. Tudo é feito de uma forma bastante lúdica para chamar a atenção deles para que eles possam aprender e repassar esse conhecimento em casa. Ensinamos a forma correta de cuidar dos dentinhos e o que impressiona é o interesse deles em aprender tudo que é ensinado e também a receptividade com a qual nos recebe”, disse a estudante que agradece a parceria e parabeniza o município pelo trabalho desenvolvido nas escolas.  

Na próxima etapa os alunos já começam a ser submetidos ao tratamento que necessita. A equipe de Saúde leva a estrutura de  um pequeno “consultório” dentro da creche para tendê-los individualmente com a autorização dos pais. A média do prazo do início ao termino dos trabalhos na escola dura cerca de 20 dias. Após esse prazo o projeto avança para uma nova unidade.

O “Sorria Várzea Grande” já concluiu os tratamentos dentários em 5 unidades de ensino e passa atua  na 6º unidade, a maior delas com 330 alunos,na creche do bairro Jacarandá.     

Por:

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Comentários Facebook