Alunos do “Emprega Rede” ganham bolsas de estudo para curso superior

Jana Pessôa/Setas-MT

Em muito breve, Lourdes Soares entrará para o hall de pessoas que cursam administração em Mato Grosso. Parece algo muito simples, mas não para a jovem cadeirante, que aos 34 anos de idade nunca havia entrado em um curso superior.

A Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas) oferece o curso de auxiliar administrativo voltado exclusivamente para Pessoas Com Deficiência (PCD), do programa ?Emprega Rede? no Sine, e, durante uma aula, foi uma das sorteadas para receber uma bolsa integral para um curso superior na Anhanguera.

A bolsa de Lourdes, e de mais outros dois colegas dela, Erick Antônio e Rúbia Martins, que também frequentam o curso de capacitação para PCD do Emprega Rede, foram proporcionadas por meio de uma parceria firmada entre Setas e a Anhanguera. A ação atende de forma adiantada a programação do Dia D da Pessoa Com Deficiência (PCD), que será realizado no dia 23 de setembro.

?Cursar uma faculdade sempre foi algo muito distante. Como eu não tinha condições de estudar, comecei a fazer esse curso de auxiliar administrativo, até meio sem vontade. Mas aí falaram que seriam sorteadas três bolsas e eu fui uma das presenteadas. Então, eu vejo que foi o destino que me colocou aqui para que eu pudesse estar presente na aula e ganhar a bolsa?, comemora Lourdes.

Conforme explica a superintendente do Sine, Rosane Belém, como o período letivo estava prestes a começar, as bolsas foram logo entregues para os estudantes para que eles não perdessem sequer um dia de estudo. ?A Anhanguera doou as bolsas como parte das ações do Dia D dos PCDs, mas como as aulas já vão começar, adiantamos a entrega?, reiterou.

Eduardo Vinícius, consultor comercial da Anhanguera, explica que a instituição mantém como uma de suas prioridades o atendimento a pessoas que estão vulnerabilizadas, e que continuará atuando em parceria com a Setas, por meio do Emprega Rede, para levar educação a PCDs. ?Nós adaptaremos o que for necessário para garantir o acesso à educação a todos?, completou.

Emprega Rede 

O Emprega Rede é um programa do Governo do Estado dentro do pacote de ações do Transforma Mato Grosso. O objetivo é promover a inclusão produtiva, especialmente do público vulnerável.

São pessoas com deficiência, mulheres vítimas de violência, pessoas acima de 45 anos, jovens e egressos do trabalho escravo, tráfico de pessoas e do trabalho infantil, que são conduzidas para o mercado de trabalho, cursos de qualificação e outras oportunidades.

As unidades da rede socioassistencial (CRAS e CREAS), delegacias de polícia, Sine e organizações não governamentais são a porta de entrada deste público ao Programa Emprega Rede.

Comentários Facebook