Alunos e professores aprovam material didático impresso entregue pela Seduc


A entrega do material didático impresso pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) deixou animados alunos e professores da Escola Estadual 19 de Dezembro, em Nova Ubiratã (a 502 quilômetros ao norte da Capital). Para a equipe gestora, os processos de ensino e aprendizagem tendem a melhorar, já que os professores terão mais tempo para se dedicar aos estudantes. 

Isso porque a escola trabalhava com apostilas elaboradas pela própria unidade para os ensinos Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA) e salas anexas do campo. “A chegada do material didático impresso deixou todos animados porque vencemos a etapa da elaboração de material”, disse a coordenadora pedagógica Daniela Magalhães.

Como eram os professores que elaboravam os materiais e a coordenação pedagógica organizava e imprimia as apostilas junto à Biblioteca Integradora, o tempo de preparação era de, em média, uma semana somente para a confecção desses materiais, informou a coordenadora pedagógica Vanuza Verni.

“A escola poupa tempo e dinheiro. Com essas apostilas disponibilizadas pela Seduc, os professores têm mais tempo de atender os alunos, pois não precisam ficar editando os materiais para enviá-los para a impressão. A coordenação pode utilizar esse tempo pensando e organizando a logística de distribuição e a busca ativa”, complementou.

Além de impresso, a escola disponibilizou o material em PDF para os alunos que não conseguiram retirar o material impresso.

O estudante Lucas Magalhães, do 7º ano B, achou o conteúdo mais fácil de ser compreendido. “Você não precisa mais ficar copiando no caderno e os atendimentos dos professores são muito bons. Eu gostei demais da apostila, a gente responde nela, ficou muito melhor mesmo”, disse.

O professor Marcus Bauer, que dá aulas de história e geografia no Ensino Fundamental também aprovou o material didático. Em seu entendimento, o conteúdo é de excelente qualidade, com muitas imagens coloridas, e tem uma linguagem de fácil compreensão.

“Os alunos gostaram e aprovaram. Além disso, é de fácil manuseio e facilita a localização dos alunos durante as aulas remotas. As habilidades estão bem claras e facilitam a elaboração dos roteiros de estudo”, falou.

Zona rural

Nesta semana a escola realizou as entregas do material didático impresso aos alunos da zona rural. Os profissionais da unidade saíram em quatro linhas com os ônibus do transporte escolar e percorreram mais de 600 quilômetros.

“Nosso município é muito grande, e temos alunos que moram a mais de 100 quilômetros de distância da sede. Agora, com esse material bimestral, não precisaremos mais sair todo mês para realizar essas entrega, que é muito cansativa. Os alunos amaram as novas apostilas”, descreveu a coordenadora Daniela Magalhães.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook