Arquivo Público recebe visita de estudantes com deficiência auditiva

Estudantes Portadores de Necessidades Especiais visitam Arquivo Público – Foto por: Assessoria

Estudantes Portadores de Necessidades Especiais visitam Arquivo Público

Um grupo de estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), composto por 22 alunos, sendo 15 ouvintes e sete com limitações auditivas, visitaram nesta quarta-feira (03.08), a Superintendência de Arquivo Público de Mato Grosso, ligada à Secretaria de Estado de Gestão (Seges). Os alunos receberam informações sobre a estrutura da instituição que inclui os sistemas de organização, armazenagem e gestão de documentos, além de conhecerem várias curiosidades sobre a história do Estado.

A visita guiada pelo gerente de Atendimento, Waltemberg Santos, contou com o auxílio das professoras do Senai Maria Cleuza Barboza e a intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras), Simone Bacuri. Os estudantes participaram de uma palestra e tiveram contato com documentos históricos e equipamentos utilizados pelos profissionais do Arquivo.

?Essa visita é importante para a inclusão e esse é um local que agrega muito valor. Os alunos saem daqui com outra visão de mundo. Não basta ficar apenas em sala de aula?, afirmou Maria Cleuza Barboza, que também mencionou o interesse de algumas empresas em receber esses estudantes que fazem parte do programa Jovem Aprendiz.

A estudante Laura Farias, que compreende o que é dito diante dela, mostrou-se surpresa com a visita. ?Eu estou admirada, os documentos daqui ajudam a provar que o que aconteceu no passado é verdade?.

Segundo Simone Bacuri, existem surdos que entendem os sinais de Libras e também os que realizam a leitura labial, pois percebem a comunicação oral e acabam desenvolvendo essa técnica.

A superintendente do Arquivo Público, Vanda da Silva, ressaltou a importância e o cuidado que se deve ter com documentos enquanto instrumentos de informação.

Outras Visitas

No dia 29 de julho, 25 estudantes do curso de Biblioteconomia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) de Rondonópolis, estiveram no Arquivo Público. O foco da visita foi a preservação e gestão de documentos. No próximo dia 11 de Agosto é a vez dos acadêmicos do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) de Pontes e Lacerda.

Comentários Facebook