Câmara de Cuiabá lança campanha “Ser Mulher” durante o mês de março


A Câmara Municipal de Cuiabá lança nesta segunda-feira (1°) a campanha “Ser Mulher”, por meio da Sala da Mulher Maria Nazareth Hahn, para homenagear todas as mulheres.

&nbsp
Segundo a secretária de Comunicação, Elizângela Tenório, a campanha é 100% produzida por mulheres e será exibida durante todo mês de março. No período, serão apresentados depoimentos das servidoras, vereadoras e convidadas que visam motivar outras mulheres a buscarem por empoderamento e luta por direitos.
&nbsp
“Gravamos depoimentos com mulheres que escolheram deixar frases motivacionais ou contar suas histórias. Todo material produzido será exibido nas redes sociais da Câmara Municipal até o dia 31. São mulheres cuidando e valorizando outras mulheres”, relatou.
&nbsp
De acordo com as produtoras dos vídeos, Brunna Maria e Carol Siqueira, ao todo, serão produzidos 34 vídeos institucionais. O primeiro vídeo será exibido nesta segunda-feira (1°).
&nbsp
“Todo material da campanha foi produzido 100% por mulheres, desde o convite, o roteiro, a filmagem, a edição e a produção de texto”, afirmou Brunna.
Um dos depoimentos foi da assessora parlamentar, Francielle Rodrigues, que parabenizou todas as mulheres que desempenham diversos papéis na sociedade e que enfrentam obstáculos diariamente.
&nbsp
“Este mês é dedicado a todas nós mulheres, que diariamente somos desafiadas a vencer os preconceitos, os rótulos de uma sociedade ainda muito machista e contraditória. Feliz mês para nós e todos os papéis que desempenhamos diariamente, pois somos mulheres, mães, filhas, tias, profissionais e companheiras”, declarou Francielle.
A coordenadora da Sala da Mulher, Thamires Rondon, explicou que a escolha do nome “Ser Mulher” na campanha foi pensada para ouvir as servidoras do Legislativo. Segundo ela, o movimento não exclui, respeita a individualidade e desperta a sororidade e a empatia.
&nbsp
“A Câmara Municipal de Cuiabá através da Sala da Mulher escolheu o nome “Ser Mulher” porque nós queremos ouvir todas as mulheres, porque às vezes ‘ser mulher’ para mim, é diferente de ‘ser mulher’ para você, em todas as nossas peculiaridades e singularidades. Esse movimento não exclui. Então, o nosso objetivo é ouvir, aprender com cada uma e empoderar outras mulheres”, destacou Thamires.


Siga-nos nas redes sociais:&nbsp
Facebook: www.facebook.com/camaracba
Instagram: @camaracba
Site: http://www.camaracuiaba.mt.gov.br


Adriana Assunção | Secom Câmara Municipal de Cuiabá

Comentários Facebook