Caso Daniella Perez irá virar série da HBO Max


source
Raul Gazolla e Daniella Perez
Lucas Brito

Raul Gazolla e Daniella Perez

Para 2022, a HBO Max está preparando uma série documental de cinco episódios sobre o caso Daniella Perez, atriz assassinada em 1992. Com direção de Tatiana Issa e Guto Barra, que também assina o roteiro, a obra terá depoimentos da mãe da atriz, a autora Gloria Perez, além de familiares e amigos. 

Daniella morreu em 28 de dezembro de 1992, aos 22 anos. A atriz foi assassinada a tesouradas por Guilherme de Pádua, ator que fazia par romântico com ela na novela ‘De Corpo e Alma’, escrita por Glória Perez. Paula Thomaz, esposa do ator, foi cúmplice. Guilherme foi condenado a 19 anos de prisão e Paula a 18. 

O motivo do assassinato foi a redução de tempo de tela de Guilherme na novela. Ambos saíram da prisão em 1999. Em 2016, Glória e Raul Gazolla, ex-marido de Daniella, ganharam um processo por danos morais contra Guilherme e Paula. 

Os dois tiveram que ser indenizados em 500 salários mínimos cada (cerca de R$ 480 mil na época). Além disso, Guilherme e Paula deveriam arcar com as despesas do sepultamento e funeral de Daniela, no valor de cinco salários mínimos, além das custas processuais e honorários dos advogados. 

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook