Coopaf pede apoio para pequenos produtores de 22 municípios

O presidente da Cooperativa de Produtores da Agricultura Familiar do Norte Mato-grossense (Coopaf-MT), entidade criada para dar apoio ao pequeno produtor do norte de Mato Grosso, Waldir Theodoro, solicitou apoio do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB), durante reunião na Presidência, na terça-feira (27), para intermediar junto ao Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat) e à Secretaria Estadual da Agricultura Familiar (Seaf) a legalização da produção e a comercialização da agricultura familiar de seus associados, que representam 22 municípios da região.

“Produzimos de tudo em nossas terras. Mas, hoje, nosso carro-chefe é a produção de farinha de mandioca e mel. Por isso, queremos contar com o apoio do deputado Botelho, que defende a agricultura familiar e sabe das dificuldades do setor. Precisamos de muita coisa, como a patrulha mecanizada e farinheira, que são equipamentos agrícolas que incentivam a produção. Nossos agricultores têm estrutura pequena e acreditamos que após essa reunião com o deputado sejam vistos de outra forma, saindo do esquecimento, passando a ter condições de firmar parcerias e acesso a linhas de crédito para começar a produzir ainda melhor”, afirmou Theodoro, ao apresentar a qualidade da farinha produzida na região.

Na semana passada, a Coopaf reuniu aproximadamente 600 pessoas, em Sinop, para tratar sobre a situação dos produtores da agricultura familiar. A assessora técnica da Seaf, Marcia Alessandra Garcia Magalhães, reforçou a importância do apoio a essas famílias.

Na oportunidade, o presidente Botelho se comprometeu a buscar ações juntos aos órgãos competentes que promovam melhorias à qualidade de vida desses trabalhadores rurais.
 

Comentários Facebook