Corpo esculpido sem cirurgia, é possível!

Recentemente, muitas pessoas reconheceram a importância do autocuidado com o corpo, inicialmente em busca de mais saúde, disposição e qualidade de vida, através da alimentação saudável e atividade física regular, que consequentemente promove intenso bem estar, autoestima e valorização da beleza corporal. Assim, tornando necessário recorrer à tratamentos complementares para alcançar os objetivos.

Eliminar a gordura localizada, principalmente na região abdominal, é um desafio para muitos, pela influência genética, endócrina e metabólica, apesar de todo o esforço físico e dieta. Assim, tratamentos lipolíticos, como aplicação de enzimas ou que envolvem tecnologias, como o ultrassom macrofocado e criolipólise, são grandes aliados.

Já para as pessoas que emagreceram muito ou mulheres pós parto, o principal desafio é tratar a flacidez corporal, que pode ser localizada ou não, envolvendo tanto os braços, abdome e coxas. O tratamento revolucionário sem dúvida é o ultrassom microfocado associado aos bioestimuladores de colágeno. Diferente dos tratamentos faciais, os corporais podem exigir mais de 1 sessão mensal para alcançar os resultados almejados.

Vale ressaltar que esses tratamentos não invasivos e minimamente invasivos realizados no consultório dermatológico são indicados para pacientes que já se encontram praticando atividades físicas e uma alimentação balanceada, assim como na lipoaspiração realizada pelo cirurgião plástico, pois o objetivo é embelezar.

Portanto, é possível conquistar um corpo esculpido sem cirurgias, ao associar um plano de tratamento com tecnologias corporais à um projeto de emagrecimento.

Dra. Vanessa Casteli, médica dermatologista pela SBD (CRM-MT 7995|RQE 5948) pós-graduada em Medicina Estética (SP). @dravanessacasteli / [email protected] / Clínica Prímula – Rua Topázio 136 Bosque da Saúde Cuiabá-MT

Comentários Facebook