Deputados entregam equipamentos em Jangada

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Para fomentar a economia dos pequenos produtores de Jangada, município distante de Cuiabá (70 quilômetros) o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM) e o federal Neri Geller entregaram uma escavadeira hidráulica para atender os produtores oriundos da agricultura familiar. A entrega foi realizada no último sábado, no pátio da Prefeitura de Jangada.

Na oportunidade, Botelho anunciou a elaboração de um projeto que será desenvolvido em parceria entre a ALMT e o governo do estado, para melhorar o setor.

“Vai atender a agricultura familiar em Mato Grosso, especialmente na baixada cuiabana, como projeto da banana e piscicultura. O governador chamou o secretário e encomendou um projeto para a criação da cadeia produtiva para a agricultura familiar, que será discutido com a Assembleia Legislativa. A entrega de máquinas é parte dos investimentos. Tem emenda do ex-deputado Fábio Garcia, que contempla com 50 equipamentos para o setor, o governador já autorizou a contrapartida e em breve deveremos fazer a entrega para a agricultura familiar”, informou o presidente.

Neri Geller lembrou que o maquinário é o resultado da força-tarefa que começou em 2013, com apoio da AL, à época em que foi secretário e ministro de Agricultura.

“Cidades menores como Jangada, Diamantino e Poconé foram municípios que o presidente Botelho e outros deputados nos pediram para ajudar para viabilizar e o resultado está aí, hoje, com a entrega dessa PC. Daqui 15 dias vamos entregar uma carregadeira aqui também. Também viabilizamos R$ 200 mil para a saúde que já estão liberados. Esse é o nosso trabalho que começou lá atrás, foi dado sequência e a participação da Assembleia Legislativa tem sido efetiva desde a minha estada como secretário e depois como ministro, e agora, como deputado federal. São resultados práticos para a sociedade mato-grossense”, afirmou o federal.

O prefeito Garrincha agradeceu a ação que vai beneficiar inúmeras famílias. “A gente vai trabalhar com de forma organizada e planejada para que os pequenos produtores tenham condições de gerar emprego nas suas propriedades.

A gente vai ter um cuidado especial para que nenhum produtor seja prejudicado. Primeiro fazer análise da terra e parcerias com o governo do estado para que o programa atenda a demanda municipal, com fomento à produção de farinha de mandioca, hortaliça, frutas, e piscicultura.

Comentários Facebook