Duas vítimas de golpe pela internet tem valores restituídos em ações distintas da Polícia Civil

Duas vítimas de golpes cometidos pela internet tiveram os valores recuperados pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (20.06), em trabalhos distintos realizados pela Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Informáticos (DRCI), um deles em parceria com a Delegacia de Paranatinga.

Nas ações foram recuperados aproximadamente R$ 2,4 mil que foram subtraídos das vítimas por meio dos golpes.

No primeiro caso, as investigações iniciaram após a vítima procurar a Delegacia de Paranatinga relatando que havia caído no golpe do falso perfil do whatsapp. Para aplicar o golpe, o suspeito se passou por filho da vítima e disse que estava na estrada e precisa de dinheiro para pagar o conserto do seu celular.

Cerca de 20 minutos após a transferência, o golpista pediu mais dinheiro, momento em que a vítima desconfiou da conduta e ligou para o filho, descobrindo que havia caído em um golpe.

Após a comunicação, os policiais da Delegacia de Paranatinga entraram em contato com a equipe da DRCI, que com apoio do setor antifraudes do banco conseguiu o bloquei de R$ 1 mil transferidos.

O segundo caso também foi realatado nesta segunda-feira (20) em Cuiabá quando a vítima procurou a DRCI comunicando que viu o anúncio de uma motocicleta em uma rede social da internet e se interessou pela compra do veículo.

A vítima fez a negociação com o suspeito que se apresentou como funcionário da proprietária do veículo. Com base no acordado, a vítima fez a transferência do valor para a conta indicada pelo suspeito, descobrindo posteriormente que havia caído em um golpe.

Diante do informado, a DRCI agiu rapidamente conseguindo o bloqueio de R$1.375,90 do valor subtraído da vítima.

Após algumas providências de praxe, os valores serão restituídos para as vítimas. As investigações seguem em andamento para identificar os autores do crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook