Face shield protege mais do que máscaras de pano? Infectologista responde


source
mulher coloca o face shield ao redor da cabeça
U.S. Army Air Forces/Erin Baxter

Saiba os mitos e verdades sobre o face shield


Com o  novo coronavírus ainda fora de controle, as máscaras se tornaram item imprescindível para manter segurança durante a pandemia. Tem se tornado cada vez mais comum, entretanto, ver pessoas usando o face shield como alternativa ao acessório. Ele é mais eficiente?


De acordo com a consultora em controle de infecção do Hospital Sino-Brasileiro e responsável pelo serviço de infectologia da Rede D’Or, a infectologista Raquel Muarrek, o protetor facial é para o uso de profissionais da área da saúde. Contudo, ele tem sido utilizado por pessoas que não conseguiram se adaptar à máscara comum, principalmente crianças.

O face shield também é visto como alternativa para pessoas que usam óculos, já que a máscara comum pode embaçar com a respiração. Neste caso, o iG Saúde já explicou que, se os óculos embaçam demais, você provavelmente está usando a máscara errada .

O que muitas pessoas não sabem é que, mesmo com o face shield, a máscara convencional ainda precisa ser utilizada. Isto porque, sozinho, o acessório não protege contra a Covid-19 .

Segundo Raquel Muarrek, o motivo é o fato de o rosto não estar totalmente coberto nas áreas em que precisa de proteção, isto é, boca e nariz.

“O face shield ainda tem abertura e a pessoa consegue fazer o movimento de levantar e abaixar a cabeça. Então é necessário fazer o uso da máscara de tecido para evitar qualquer tipo de contaminação”, explica.

O face shield nada mais é do que uma proteção a mais para os olhos e para o grande número de gotículas expelidas. No entanto, sem a barragem da máscara convencional, que envolve o queixo, essas partículas podem “vazar”.

A infectologista explica que seu uso não tem objetivo de ser domiciliar ou para vias públicas. “Ela deve ser usada em somatória da utilização de outra máscara, como a de tecido”, afirma.

Até quando vou usar máscara?

Até que o novo coronavírus esteja controlado, a máscara será essencial para a vida de todas as pessoas . Raquel já contou antes ao iG Saúde que a máscara precisa fazer parte do cotidiano até mesmo de pessoas que não tenham sintomas gripais.

Isto porque podem existir pessoas assintomáticas, que não sabem que estão infectadas. Assim, se não utilizarem as máscaras, poderão espalhar gotículas com o vírus e transmitir para outras pessoas.

“Talvez a gente consiga parar de usar quando não tiver mais sintoma, mas não tem como dizer com precisão”, diz Raquel.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook