Força Tática prende em Várzea Grande homem com quatro condenações por assaltos

Policiais da Força Tática do 4º Batalhão da Polícia Militar (PM-MT) prenderam, na tarde desta segunda-feira (15.08), em Várzea Grande, Silas Luiz Baracat Arruda, com quatro condenações que, juntas, somam pouco mais de 17 anos de reclusão. 

A prisão ocorreu por volta das 15h30, na Avenida Filinto Muller, próximo ao quartel do 4ºBPM. Silas caminhava pela via quando os policiais o avistaram e perceberam a semelhança dele com o rapaz cuja foto havia sido postada minutos antes em um grupo do whatsapp.

A fotografia foi encaminhada pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) como sendo do suposto autor de homicídios que estão sendo apurados, e assaltos. Quando a equipe de Força Tática pediu para que se identificasse, Silas disse que seu nome era Rodrigo Baracat.

Desconfiados, os policiais militares acionaram a DHPP. Os dois investigadores que compareceram ao local o reconheceram como Silas, procurado que tem mandado de prisão em aberto. Com o acusado foram apreendidos três celulares, entre os quais um iPhone; uma faca de cozinha, uma corrente de cor dourada e uma pulseira.

Antecedentes

Na Comarca de Várzea Grande, o suspeito responde a quatro processos. Em um deles, figura como réu por assalto a mão armada (artigo 157), praticado em 2014, crime pelo qual foi condenado a cinco anos e seis meses de reclusão, em regime fechado. Em um caso anterior, de 2006, também de assalto, pegou pena similar, seis anos, porém cumpriu em regime semiaberto.

Comentários Facebook