Hospital Regional de Peixoto de Azevedo recebe visita técnica da Comissão de Saúde da ALMT

Foto: NAJYLLA NUNES

A Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso realizou visita técnica ao Hospital Regional de Peixoto de Azevedo nesta sexta-feira (11) e constatou que a unidade hospitalar está em reforma. Participaram da visita os deputados estaduais Paulo Araújo (PP), Dilmar Dal Bosco (DEM) e Carlos Avallone (PSDB), acompanhados de equipe técnica da Comissão de Saúde, da diretora da unidade, Veroni Pansera, e do secretário de estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

O presidente da Comissão de Saúde, deputado Paulo Araújo, afirmou que esta é a décima terceira unidade visitada. “Com esta visita no regional de Peixoto [hospital] iremos fechar todos os relatórios técnicos com o objetivo de ajudar e propor alternativas junto à administração estadual. Além disso, agora todo o trabalho político da Comissão de Saúde da Assembleia será focado na Lei Orçamentária Anual (LOA), a fim de contribuir de forma propositiva para o sistema público de saúde de Mato Grosso”, disse.

O Hospital Regional de Peixoto de Azevedo possui 69 leitos, tendo três de isolamento, seis de observação clínica e duas de estabilização, e apresenta estrutura física em reforma. A unidade foi inaugurada em meados de 1997, mas somente no início da gestão do antigo governo, precisamente em julho de 2015, o então governador Pedro Taques, através da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso (SES-MT), decidiu auxiliar no custeio e equipamentos para que a Unidade Hospitalar passasse à condição de “Regional”, no modelo de gestão compartilhada entre SES-MT, bem como as Secretarias Municipais de Saúde através do Consórcio Intermunicipal de Saúde Vale do Peixoto.

Para a conclusão das obras de reforma, a unidade aguarda a entrega de novos equipamentos e materiais. Diante deste cenário, a diretora do Hospital, Veroni Pansera, afirmou que a visita da Comissão de Saúde da Assembleia é extremamente necessária.

“É relevante a visita técnica da Comissão de Saúde, porque entendemos que quando vem uma comissão de deputados até o nosso Hospital será feito um trabalho no sentido de nos auxiliar a oferecer uma saúde pública de qualidade. Além disso, solicitamos à Comissão de Saúde que nos auxilie quanto ao pedido de revisão de repasse do Governo, já que aumentamos consideravelmente os atendimentos e serviços em nossa unidade”, declarou.

Veroni Pansera informou ainda que, de janeiro a agosto de 2019, a unidade hospitalar registrou um total de 15.079 atendimentos de urgência e emergência, 12.771 consultas médicas, 10.011 procedimentos ambulatoriais e 910 cirurgias eletivas.

A execução da reforma e ampliação do prédio do Hospital Regional de Peixoto de Azevedo foi iniciada em fevereiro de 2018. Contudo, a obra está paralisada há cerca de cinco meses, com previsão de reinício no dia 15 de outubro. A obra está orçada em aproximadamente R$ 8,5 milhões e deve ser concluída no próximo ano. Conforme a diretora da unidade, com a ampliação e reforma do Hospital Regional de Peixoto de Azevedo, alguns pacientes estão sendo encaminhados para receber atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

O secretário de estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, destacou a importância da participação dos deputados e o empenho do governo do estado em promover melhorias na área da saúde.  “É importante essa participação conjunta da Assembleia com a Secretaria de Saúde para que possamos efetivamente fazer um bom diagnóstico e que os deputados possam vislumbrar onde podemos fazer os investimentos. É um conjunto de iniciativas promissoras em que a Assembleia e o Governo do Estado estão caminhando juntos para melhorar a saúde em Mato Grosso”, disse.

Entre as ações desenvolvidas pelo Executivo, Gilberto Figueiredo destacou a implantação de um programa de modernização dos hospitais. “Nossa equipe está desde o primeiro dia de gestão debruçada no planejamento da melhoria de infraestrutura e na aquisição de equipamentos, porque esse primeiro ano é um ano difícil. O Governo do Estado herdou uma dívida imensa e não foi diferente na saúde, mas estamos focando no planejamento estratégico, assegurando a adimplência do repasse aos municípios e esperamos que no próximo ano tenhamos condições de investir bastante para melhorar a saúde”, acrescentou.

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal’Bosco, reforçou o compromisso do Executivo com a Saúde. “O Estado está melhorando cada dia mais o atendimento à sociedade. Nós tínhamos muitos débitos com os hospitais regionais que não eram repassados e hoje está colocando tudo em dia, está pagando mês a mês corretamente, desde que os hospitais regionais prestem contas ao governo do estado. Estamos melhorando a saúde”.

Consórcio Intermunicipal de Saúde Vale do Peixoto – Cinco municípios compõem o consórcio. São eles: Peixoto de Azevedo, Matupá, Novo Mundo, Terra Nova do Norte e Guarantã do Norte, totalizando pouco mais de 100 mil habitantes. A unidade ainda tem uma demanda de atendimentos de 47 aldeias indígenas e muitos pacientes do sul do estado do Pará.

O deputado Carlos Avalone destacou a importância das visitas in loco e de ouvir a população e os representantes dos municípios. “Aqui nós temos um consórcio que tem sofrido bastante com os problemas da saúde em todo o estado. A melhora nesse governo tem sido grande e agora o governo já liberou recursos para terminar o hospital, que já estava parado há algum tempo. É importante ouvir os prefeitos e administradores, principalmente agora que a LOA está chegando lá na Assembleia. Nós vamos preparar o orçamento para o ano que vem e temos que ter um investimento grande na área da saúde, principalmente para que as pessoas sejam melhor atendidas”.

Visitas técnicas – O Hospital Regional de Peixoto de Azevedo foi a décima terceira unidade de saúde a receber a visita da Comissão de Saúde. Também já foram vistoriadas as unidades hospitalares dos municípios de Água Boa, Alta Floresta, Barra do Bugres, Cáceres, Colíder, Cuiabá, Rondonópolis, Sinop, Sorriso e Várzea Grande.

Comentários Facebook