Jornalistas de todo Brasil conhecem a Bom Futuro

Jornalistas de todo Brasil conheceram nesta terça-feira (05.07) propriedades da Bom Futuro em Campo Verde. A comitiva, formada por 21 profissionais, esteve nas fazendas São Miguel, Água Azul, Filadélfia e Fartura para entender mais sobre as atividades da empresa em Mato Grosso. O road show faz parte da programação da 54ª Expoagro.

A jornalista Andressa Silva Simão, do portal Notícias Agrícolas, gostou de ver o funcionamento da empresa. “É muito interessante ver como trabalham o agronegócio e como estão preocupados com a sustentabilidade e também com fazer as pessoas que trabalham aqui ter um bom convívio social e se apaixonarem pelo que fazem, é um olhar diferenciado”, afirmou.

O jornalista gaúcho Leonardo Winck, do portal e revista Destaque Rural, já conhecia a Bom Futuro, mas só chegando até as propriedades é que pode verificar a grandiosidade dos projetos. “Aqui a gente teve a noção da organização e acaba percebendo que não é por acaso que chegaram onde chegaram. Isso porque a qualidade dos processos, o profissionalismo com que fazem as coisas é impressionante”, disse.

Durante todo o dia, os jornalistas conheceram a algodoeira Bom Futuro, armazém, piscicultura, laboratório de sementes e Industria de Beneficiamento de Sementes (IBS), biofábrica, além dos programas socioambientais, como Separô e Sementes do Futuro.

A Bom Futuro já é conhecida nacional e internacionalmente pela alta produção, qualidade de grãos e plumas, tecnologia e inovação. “Mas queremos mostrar o que fazemos além disso, então apresentamos nossos projetos ambientais, programas de monitoramento, cuidados que temos durante todo o processo e ciclo de produção. Também projetos socioambientais e sociais, que tem muito a ver com o conceito de ESG, com sustentabilidade de fato”, contou Elaine Lourenço, gerente ambiental da Bom Futuro.

“É um prazer para a Bom Futuro receber este grupo para mostrar que a empresa está de portas abertas para que todos conheçam o que realmente é o agro. Nosso objetivo é mudar um pouco da visão, mostrar o que é feito da porteira para dentro das fazendas de Mato Grosso. A Bom Futuro tem para mostrar pessoas, processos, produtividade, profissionalismo, sustentabilidade. E é isso que queremos que eles levem para seus estados de origem”, afirmou Tiago Goecks, gerente de RH da Bom Futuro.

Comentários Facebook