Musa da Portela, Alice Alves será embaixadora do Carnaval Gaúcho

source


Alice Alves, 38, está no time de beldades saradas do carnaval 2020. Ela desfila pela Portela neste domingo (23) na capital carioca, quando a agremiação azul e branco de Madureira encerra a primeira noite de desfiles do grupo especial. As escolas iniciam seus desfiles às 21h30. 

Alice Alves arrow-options
Wallace Mendonça/Divulgação

A deca campeã de Karatê, Alice Alves se divide entre o carnaval do Rio e de Porto Alegre

Após o carnaval do Rio de Janeiro, a médica veterinária e deca campeã de Karatê partirá direto para Porto Alegre , onde receberá o Título de Embaixadora do Carnaval Gaúcho, por toda a sua contribuição para a folia no Sul do país.

Daniel Alves comanda “Bloco do Good Crazy” no carnaval de SP

Para quem não lembra, além de doar instrumentos, e contratar a Harmonia da Portela para fortalecer o carnaval fora de época de Uruguaiana no ano passado, a morena também levará o casal de mestre-sala e porta-bandeiras da Viradouro para esquentar a competição em 2020.

A dupla se juntará a Alice para defender o título da escola de samba “Deu Chucha na Zebra” , em que a é rainha de bateria.

Ansiedade

Musa da Portela, a morena musa abriu as portas do seu camarote, na Sapucaí , e não escondeu a ansiedade para o dia do desfile. “Contagem Regressiva. Vem carnaval! Minha roupa está ficando linda. Umas das mais lindas que usei”, adianta.

Grupo Especial: veja ordem das escolas de samba no 1º dia de desfiles na Sapucaí

Há 21 anos desfilando pela escola azul e branca, Alice passará pela avenida numa fantasia bem luxuosa de índia , que representa todo o trabalho artesanal indígena e promete seios de fora na avenida.

“Apesar de ser uma índia terá pedraria sim, porque ali eu estou na condição de destaque”, explica a beldade sobre a roupa que, de acordo com ela, terá muito canutilho, brilho e penas 100% recicladas .

Em 2020, a Portela leva para avenida o enredo ” Guajupiá, Terra sem Males “, tema que promete retratar a história dos índios que habitavam a cidade do Rio de Janeiro bem antes da chegada dos portugueses.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook