Operação Bairro Seguro leva serviços sociais e busca reduzir criminalidade na região do Jardim Glória

Moradores do bairro Jardim Glória e região receberam nesta quinta-feira (25.08)  serviços sociais fornecidos dentro da operação da Segurança Pública, “Bairro Seguro”. A atividade foi coordenada pela Polícia Judiciária Civil, por meio da 3ª Delegacia do Jardim Glória, e parceiros, como forma de promover a cidadania, aproximar os moradores da Polícia e reduzir os índices de criminalidade.

Na ação, que iniciou às 8 horas e terminou às 15h, foram 50 cortes de cabelo, 525 plastificação de documentos, 52 pedidos de certidão de nascimento, 3 de casamento.  141 fotografias tiradas, 32 segunda via do CPF, 115 orientações diversas, 40 orientações e expedição de taxas do Detran, confeccionados 12 boletins de ocorrências, 3 oitivas, entre outras.

Policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso (DEDMIC) prestaram atendimentos sócio-jurídicos referente à violência contra a mulher, receberam denúncias e confeccionaram medidas protetivas, utilizando a Delegacia Móvel para atendimento à comunidade. “Todo o trabalho que fazemos na delegacia estamos trazendo para o bairro”, disse a delegada, Ana Paula de Faria Campos.

O delegado Bruno Lima Barcellos, que coordenou a ação, disse que a atividades assim, próximas aos moradores e fora do ambiente de delegacia, é uma das melhores estratégias de combate à criminalidade. “Esse novo modal de segurança pública, integrando as forças de segurança pública é uma nova forma de combate à criminalidade nos bairros”, disse.

Para recepcionar os moradores, a ação utilizou o terreno e salas da estrutura da Igreja Católica do bairro, onde foram fornecidos serviços de emissão de certidões (nascimento, óbito e casamento), CPF, taxas de veículos, orientações referente à erradicação do trabalho infantil, cortes de cabelo, entre outros.

A emissão de certidões de nascimento foi um dos serviços mais procurado. O benefício foi fornecido pela Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas), que levou para ação serviço de emissão de Certidões de Nascimento, Óbito e Casamento.

A servidora da Superintendência de Ações Integradas de Cidadania da Setas, Evanildes Dias, explicou que o documento será entregue ao morador no prazo de 60 a 90 dias. “A gente entrega já plastificado e sem custo nenhum”, afirmou.

O morador Valdemar dos Santos contou que soube do mutirão e correu para tirar a segunda via da sua certidão de nascimento. “Minha certidão rasgou e gente precisa do documento até para ir ao médico”, disse.

Também interessada na emissão de documentos, a moradora Ana Izabel, disse que soube do evento no bairro pelo programa Cadeia Neles e aproveitou a oportunidade para tirar a segunda via da certidão de nascimento dela, dos três filhos de 17, 19 e 21 anos, e do pai cadeirante, que tem 68 anos. “Esse documento é muito importante, se não tiver o registro não tira nenhum outro documento”, destacou.

Em outra sala, crianças brincavam em um game do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da campanha de erradicação ao trabalho infantil. Elas também ganharam bonés, camisetas e cartilhas da campanha. No total foram 50 crianças atendidas.

No mesmo espaço, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), facilitou aos moradores consultas de veículos, emissão de taxas e Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo, e também levou orientações voltadas para educação no trânsito, por meio da Escola Pública de Trânsito.

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos (Derrfva) de Cuiabá, em reforço a operação “Bairro Seguro”, vistoriou pontos suspeitos de desmanche de veículos. Em um dos locais, prendeu um homem com um  Corola roubado em Porto Alegre (RS).

O suspeito Willian D.S.B, 36 anos, foi autuado em flagrante pelos crimes de receptação e adulteração de sinal identificador de veículos automotores. O automóvel, com registro de roubo ocorrido no início do ano em Porto Alegre, foi localizado pelos investigadores de polícia na empresa de Willian, denominada “Cintia Caminhões”, localizada na Avenida Julio Campos, bairro Jardim dos Estados, em Várzea Grande.

Toda a ação contou ainda com apoio da Polícia Militar e Delegacia Regional de Várzea Grande.

Comentários Facebook