Opositores em Várzea Grande escolhem vereadores de vice

Os candidatos a prefeitura de Várzea Grande William Cardoso (PSDB) e Coronel Taborelli (PSC) optaram em ter como seus vices perfis políticos, uma vez que ambos, escolheram vereadores para compor suas chapas majoritárias. As duas candidaturas fazem oposição a prefeita Lucimar Campos (DEM), que busca à reeleição.

William Cardoso buscou o vereador de segundo mandato, Fábio Saad (PTC). O parlamentar é bastante atuante e vem marcando posicionamento como opositor ferrenho a prefeita Lucimar Campos. Saad chegou a ensaiar uma candidatura a prefeito, mas aos 45 de segundo tempo, acabou fazendo uma composição com o tucano e ocupando a vaga de vice.

A possível candidatura de Fábio Saad vinha ganhando força, especialmente, junto a imprensa e as mídias sociais. Politicamente, o parlamentar chegou a aglutinar alguns partidos. Ele ainda acabou levando três siglas para o projeto tucano, sendo o PTC, PSDC e o PT, que deve deixar a coligação por imposição do diretório estadual.

Taborelli realizou sua convenção sem nome de vice, mas conseguiu retirar o PMB das mãos de William e formou chapa com o partido, tendo como vice a vereadora Miriam Pinheiro (PMB). A parlamentar de primeiro mandato, possui base eleitoral na região do bairro São Matheus.

Miriam se mostrou defensora de primeira hora do ex-prefeito cassado Walace Guimarães (PMDB). Após a Justiça retirar Walace da prefeitura, Miriam acabou fazendo parte do bloco de oposição a prefeita Lucimar Campos. Sua principal bandeira foi as cobranças para melhorarem as condições do transportes público na cidade.

O presidente do PMB, o dirigente Sérgio Dorivaldo Alliend, o Serginho, foi um dos maiores entusiastas na fase de pré-campanha de William Cardoso, chegando a apresentar uma proposta de jingle para a campanha tucana. A adoração pela candidatura de William Cardoso terminou da noite para o dia.

Comentários Facebook