Os candidatos e um destino

Por Wilson Carlos Fuáh

Não use o voto como uma obrigação, mas sim, como uma conquista, pois você tem esse direito legal de escolher entre os candidatos, aquele que a sua consciência definir como o melhor, pois entre todos, pode estar aquele que não dispõe de recursos para campanha espetacular, mas através de um discurso simples e pouco rebuscado pode estar um grande líder ou um grande estadista, que será um renovador das causas sociais do município, e que você terá orgulho de dizer: – “Eu votei nele, ele honrou meu voto”.

Na hora do voto todos são iguais e todos tem a mesma importância, na democracia vence o mais votado, mas às vezes, não é o melhor escolhido.

Só o povo tem esse poder de escolher livremente pela a sua inteligência pessoal, e o melhor caminho para uma melhor escolha, será pesquisando o passado de cada candidato, por mais que um candidato queira esconder alguma sujeira, esta virá à tona durante os debates e durante a campanha, pois entre as réplica e tréplicas, mesmo que os candidatos queiram ser dissimulado, não passará pelo filtro democrático sem ser descoberto, aonde as sujeiras vêm cristaliza aos olhos e ouvidos dos eleitores.

Cuidado com os discursos enganosos vindo das doces palavras treinadas pelos marqueteiros, pense muito antes de decidir, pois entre esses candidatos pode estar aquele que será seu inimigo na administração pública, pois ao exercer o ato de votar, você estará passando uma procuração a aquele que governará o município  por 4 longos anos, e em tudo que ele fizer você será o seu cúmplice.

O verdadeiro político na sua essência é um líder natural, a sua responsabilidade existencial é muito grande, e por receber esse dom divino ele nunca pode transgredir a verdade, a honestidade e sentido comunitário.

O ser político é aquele que tem o entendimento da verdade e que sabe fazer a leitura do ser humano como um irmão.

O  político não é uma pessoa comum, por que é um ser apaixonado pelas causas sociais, tem a visão  político que entende o sentimento do povo, e por isso, confunde as suas aspirações com a necessidade da comunidade.

Será que entre esses candidatos, você pode escolher pelo menos um, que ao ser eleito, saiba direcionar as suas ações como se fosse o desejo de todos os cidadãos desta cidade, ou seja, fazer da cidade um lugar mais humano e onde todos sinta o prazer em morar, onde as ferramentas sociais estejam à disposição dos munícipes em forma de amparo e proteção, será?

Pense bem antes de votar, pois essa é uma ação que não tem como voltar atrás, depois é só arrependimento por longos 04 anos de reclamações!

Comentários Facebook