Polcia Civil prende irmos acusados de drogar e estuprar menor em Cuiabá

Dois homens acusados de estuprar uma adolescente, de 17 anos, foram presos em flagrante pela Polcia Judiciria Civil, em ao da equipe do planto da 2 Delegacia de Polcia do Carumb e o Grupo de Operaes Especiais (GOE), em Cuiab. Os irmos, I.R.A, 27, e I.R.A, 26, foram autuados pelos crimes de estupro de vulnervel, porte ilegal de munio calibre restrito e servir bebida alcolica a menores de idade.

A priso dos suspeitos aconteceu aps a equipe da Central de Flagrantes, da 2 DP, receber a informao que uma adolescente havia sido drogada e vtima de estupro. Os policiais se deslocaram at o bairro CPA, onde a menor foi deixada pelos agressores. Na delegacia, a adolescente se queixou de dores no abdmen e na regio genital e disse que acreditava ter sido vtima de violncia sexual.

Segundo a menor, ela combinou com uma amiga de ir em uma chcara na Ponte de Ferro com outros amigos. Alm das duas amigas, os irmos passaram para buscar outras trs moas, e seguiram para o local, onde ingeriram cerveja e caipirinha.

Aps um tempo na chcara, os irmos e as jovens seguiram para casa de um dos suspeitos, no bairro Trs barras, onde continuaram a ingerir bebida alcolica e fumaram uma substncia em um cachimbo artesanal. Com efeito do lcool e da substncia, a adolescente desacordou e quando retomou os sentidos estava deitada nua, no gramado nos fundos da casa, com os dois suspeitos tambm sem roupas.

Eles foraram a menor ingerir whisky, fazendo com que ela perdesse os sentidos novamente. Os suspeitos vestiram a menor e a deixaram em uma rua prxima a sua residncia, onde foi encontrada pelos policiais. Em continuidade as diligncias, os investigadores junto com a equipe do GOE deslocaram at a casa dos suspeitos e realizaram as prises. No local, policiais apreenderam uma munio calibre 40 e outra calibre 357.

Os irmos foram conduzidos a Central de Flagrantes e aps serem interrogados foram autuados em flagrante pelos crimes de estupro de vulnervel, servir bebida alcolica a menor de 18 anos e posse ilegal de munio de uso restrito.

Comentários Facebook