Polícia Federal combate prática de crimes eleitorais no Pará


Belém/PA – No domingo (29/11), data do segundo turno eleitoral, um vídeo de uma pessoa realizando o voto na urna eleitoral é divulgado em grupos de aplicativo de mensagens e chega até a Polícia Federal, que rapidamente faz uma investigação no município de Santarém e localiza a pessoa responsável pelo vídeo.

A mulher, que trabalhava em uma das seções eleitorais do município de Santarém, no Oeste do Pará, foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal desse município, onde foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência, TCO, pelo cometimento do crime eleitoral descrito no art. 312 da lei nº 4.737/65, violação do sigilo do voto, que prevê pena de detenção de até dois anos.

O aparelho celular da conduzida foi apreendido e será periciado pela Polícia Federal.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Pará

Telefone: (91) 3214-8029 / 984222396
E-mail: [email protected]

Comentários Facebook