Prefeito e primeira-dama lamentam o falecimento da servidora Sebastiana Maria Clara da Silva e Souza

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, e a primeira-dama Márcia Pinheiro lamentaram o falecimento de Sebastiana Maria Clara da Silva e Souza, aos 60 anos. Moradora tradicional do bairro Pascoal Ramos, Sebastiana faleceu neste sábado (14), deixando o esposo Edmílson Batista de Souza (Neno), além dos filhos Wagner da Silva Souza e Wanessa Cristina de Souza Barros e netos.

Sebastiana possui uma forte ligação de amizade com o prefeito e a primeira-dama, construída ainda na época que chefe do Executivo atuava como vereador da Capital. O laço se estreitou ainda mais quando Sebastiana tornou-se madrinha de casamento de Emanuel e Márcia Pinheiro. 

Além disso, é reconhecida no Pascoal Ramos por toda sua luta em prol da comunidade, junto ao seu companheiro e líder comunitário, o Neno. Servidora efetiva da Prefeitura de Cuiabá, desde 1990, possui importantes trabalhos prestados, ajudando no desenvolvimento do histórico bairro da região Sul. 

Como servidora pública, atuou na área da educação, atendendo as crianças da Creche Municipal Manoelino de Jesus, no próprio Pascoal Ramos. Posteriormente, foi transferida para a área da saúde, prestando serviços na policlínica e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Sul, também localizados na mesma comunidade. 

“Nossas famílias possuem uma profunda ligação e, neste momento de dor, queremos abraçar e confortar nossos amigos. Tivemos a honra de conhecer a Sebastiana e somos eternamente gratos por ela ter aceitado fazer parte da nossa história. Uma mulher que é um exemplo de luta e integridade que, com toda certeza, deixa um importante legado para seus familiares, amigos e todos que tiverem a oportunidade de conhecê-la”, disse o prefeito. 

O velório de Sebastiana Maria Clara da Silva e Souza acontece nesta tarde, na Rua Antônio Lira, nº 49, Pascoal Ramos, endereço no qual residiu por muitos anos,

Comentários Facebook