Prefeitura terá dois pontos de seleção para o Emprego Solidário


O impacto provocado pela pandemia da Covid-19 no mercado de trabalho, ainda contribui para a alta no desemprego, porém ações de incentivo a contratações de pessoas – a exemplo do programa ‘Emprego Solidário’ – têm ofertado vagas para profissionais de diversos segmentos, que estão tendo a oportunidade de ter o salário todos os meses, além de outros benefícios. Em parceria com empresas privadas, o programa municipal ‘Emprego Solidário’ tem por objetivo incluir de forma produtiva trabalhadores que residem em Várzea Grande, bem como dar oportunidade a imigrantes residentes no município.

Nesta quarta-feira (15), a Prefeitura Municipal de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Assistência Social realiza a seleção para a contratação de profissionais para o setor de repositor de loja, promotor de carnes, operador de caixas, auxiliar de prevenção e auxiliar de perecíveis. As vagas estão sendo oferecidas pelo Grupo Pereira Fort Atacadista e Supermercado Comper. Para essa seleção os profissionais interessados devem procurar o Centro de Assistência Social – CRAS – do bairro Santa Maria. Já na quinta-feira (16) a seleção, para as mesmas funções, será feita no Centro de Assistência Social – CRAS – do bairro Cristo Rei, a partir das 8h30.

A titular da pasta, Ana Cristina Vieira lembra que os interessados devem se apresentar munidos de documentos pessoais (RG, CPF e Carteira de Trabalho e Reservista). “É necessário que todos estejam com a documentação legível e em dia para que possa facilitar a inscrição do documento para a seleção. Em algumas situações é importante que o interessado tenha experiência no setor, porque esse é um dos requisitos que facilitam na hora da seleção”, orientou.

A secretária disse ainda que várias empresas têm procurado a secretaria de Assistência Social para firmar  parceria, oferecendo as vagas existentes em suas empresas, haja visto que a nossa equipe está preparada para fazer o atendimento nos pontos de seleção. “Temos espaço físico que comporta um número grande de pessoas e toda a estrutura necessária para a seleção dos profissionais. Nossa equipe está desempenhando um bom trabalho e essa dinâmica realizada nos Cras tem sido fundamental para o sucesso alcançado pelo programa Emprego Solidário”.

Já a coordenadora do programa de Atenção Básica, Bernadete Miranda disse que várias empresas estão procurando a secretaria para oferecer as vagas existentes, empresas que já são parceiras e empresas que pretendem fazer a parceria. “Nos próximos dias estaremos nos reunindo com a direção de futuras empresas parceiras e assim que tivermos uma resposta positiva estaremos abrindo novas oportunidades de emprego”, comemorou.

O projeto ‘Emprego Solidário’ é fruto das parcerias firmadas com o Sistema S, Câmara de Dirigentes Lojistas de Várzea Grande (CDL/VG), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio/MT) e empresas privadas.

Comentários Facebook