Prevenção é o melhor remédio

Falar em saúde, sem antes pensarmos na prevenção, seria no mínimo um contrassenso, pois a prevenção continua sendo o melhor remédio. A prevenção sempre foi a melhor opção para uma vida saudável.

Partindo dessa premissa, na condição de deputado estadual, eleito pelo voto direto, no qual obtive 21.347 votos, correspondendo a (1,41%) dos votos válidos, eu, não poderia deixar de apresentar projetos de lei que favorecessem principalmente as pessoas mais humildes, os expropriados do capital.

Em função disso, apresentei a indicação de n° 3882/2019, tendo como objetivo, oferecer atendimento à população feminina na área da saúde.

Solicitando do governador Mauro Mendes (DEM), através da secretaria de Estado de Saúde (SES), a implantação de um consultório móvel intitulado de “Programa da Carreta Mamografia” para a detecção  precoce do câncer de mama, através de realização de exames em mulheres.Esta proposição apresentei na terça-feira, 3 de setembro.

Este tema em questão é realmente preocupante, uma vez que, através de dados compilados, através da Secretaria de Estado de Saúde, segundo a qual, o câncer de mama, é a principal causa de morte na população feminina mundial, representa 27,5% do total de casos da doença em mulheres e é o mais incidente entre elas – seguido do câncer de colo de útero e do reto.

Em Mato Grosso, o maior número de óbitos é na região da Baixada Cuiabana, seguida do sul mato-grossense e Teles Pires.

Caso, esta proposição seja atendida, a carreta, equipada com consultórios, oferecerá exames de mamografia grátis, sem necessidade de pedido de médico, para mulheres entre 50 e 69 anos.

 Os atendimentos serão extensivos a mulheres mais jovens, neste caso, será obrigatório levar o pedido médico, além do RG e do cartão do sistema Único de Saúde (SUS), o pedido poderá ser tanto pela rede pública, quanto particular.

Esta indicação tem como objetivo final, ampliar o acesso e incentivar as mulheres a realizarem exames de mamografia, e com isso, poder prevenir dessa doença que mais mata mulher no mundo.

Há um ditado popular que diz “é melhor prevenir do que remediar”, ao pé da letra, a frase chama atenção par importância da prevenção quando tratamos de saúde, atitude aconselhada por boa parte dos profissionais, ligados à medicina.

Em dado momento do meu texto, me tornei redundante com o tema em questão, pois é melhor ser redundante do que omisso; pois fui eleito pela população, para legislar em prol dos menos favorecidos pela sorte, principalmente, pelo fato de eu ter nascido no seio de uma família humilde, sei o quanto essa indicação caso seja aprovada, irá favorecer as famílias carentes.

O cair é do homem, o levantar é de  Deus!   

*Elizeu Nascimento é deputado estadual pelo DC

Fonte: ALMT
Comentários Facebook