Projeto estimula empreendedorismo feminino em bairros de Rondonópolis

Thiago Silva participa do curso em Rondonópolis

Foto: HENRIQUE COSTA PIMENTA BRAGA

“Esse projeto foi o pontapé inicial para organizarmos um grupo, uma cooperativa e oferecermos opções renda para nossa comunidade. Tudo graças ao deputado Thiago Silva, que trouxe esse grande estímulo para nossa comunidade”. As palavras a são do líder comunitário, Sivaldo da Silva Jorge, presidente dos bairros João de Barro I e II, Jardim HR e Pôr do Sol, sobre o projeto Flor do Cerrado.

A inciativa, do deputado estadual Thiago Silva (MDB), foi implantada no início de 2019, em Rondonópolis, e já beneficiou mais de 160 mulheres, com cursos gratuitos de crochê e pintura em tecido para mulheres de baixa renda.

De acordo com a organização do projeto, 90%,das alunas conseguem comercializar suas produções. Ceila Eliza Acunha está inserida nesta estatística. A trabalhadora autônoma está desempregada há 1 ano e não perdeu a oportunidade de qualificação. Nos últimos dias, tem trabalho dia e noite para atender a encomendas. “Estou muito feliz. A procura está muito grande. Isso representa dinheiro na minha casa, que faz toda diferença. Esse projeto foi o presente de Natal da minha família”.

O depoimento de Ceila vem de encontro ao principal objetivo do projeto que é oferecer oportunidade para mulheres, que segundo recente pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), estão entre as mais afetadas pela crise econômica nacional. Hoje, conforme a pesquisa, 14% das mulheres estão sem oportunidade de trabalho.

“É importante oferecer meios para desenvolvimento de renda e trabalho para as mulheres. Hoje muitas são responsáveis pelo 'ganha-pão' dos lares. Fico muito feliz quando visito os polos do nosso projeto e tenho conhecimento que boa parte está conseguindo negociar sua produção e levar dinheiro para dentro de casa. Esse é um grande estímulo. Já estamos organizando, junto com a coordenação do Flor do Cerrado, a ampliação desse trabalho para outros bairros de Rondonópolis e municípios da região", informou o deputado.

De maio até outubro, além das comunidades citadas, o Flor do Cerrado atendeu os bairros Jardim Eldorado, Mirassol, Santa Fé, Copacabana, Vila Olinda, Ana Carla e Lúcia Maggi.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook