Projeto social prevê o desenvolvimento pessoal e profissional de jovens mulheres

Desenvolver competências em jovens mulheres para que façam a diferença na sociedade e experimentem prosperidade em suas vidas. Essa é a missão que originou o programa “De 20 em 20: Abrindo Portas” – um projeto social, sem fins lucrativos, cuja missão é auxiliar jovens mulheres rumo ao desenvolvimento pessoal e profissional. A primeira edição terá início oficialmente em 2020.

Idealizado pelo Grupo Valure, o programa chega para trilhar temas diversos com metodologias e ferramentas que levem as participantes à uma postura protagonista. Para tal objetivo, a programação contará com módulos voltados para o desenvolvimento de competências essenciais – como inteligência emocional, comunicação, criatividade, negociação e liderança, entre outras. Isto, por meio de atividades mensais, sessões de coaching e workshops.

Conforme explica a presidente do Grupo Valure, a coach e mentora de gestão Lorena Lacerda, o programa “De 20 em 20: Abrindo Portas” terá duração anual e atenderá 20 jovens, entre 16 e 17 anos, de baixa renda, que estejam cursando regularmente o ensino médio (segundo ou terceiro ano) em escolas da rede pública e residam em Cuiabá ou Várzea Grande. A proposta prevê ainda que a cada ano, 20 mulheres passem a integrar um novo ciclo do projeto.

“A ideia é prepará-las para o mercado de trabalho e um futuro melhor. Logo, vamos abordar questões que envolvem desde saúde e autoestima, felicidade e positividade, autoconhecimento, relações humanas, planejamento pessoal, negociações e vendas, criatividade e inovação até liderança. Isto tudo, com apoio de terapia, coaching e mentoria empresarial. Também serão contempladas áreas como odontologia, ginecologia e dermatologia, além de cuidados em salão de beleza”.

Lorena complementa que o programa “De 20 em 20: Abrindo Portas” terá como facilitadores voluntários diversos profissionais. “Pessoas que atuam nas áreas de psicologia, coaching, finanças, vendas, gestão empresarial, educação física, ginecologia, odontologia, dermatologia, estética, nutrição e informática. Também serão convidados empresários que possam compartilhar suas experiências com as participantes”, reforça.

Vale destacar que as participantes do programa serão indicadas pela sociedade. “A semente do ‘De 20 em 20: Abrindo Portas’ foi plantada no evento ‘Elas no Campo 2018’, que reuniu mais de 400 mulheres do agronegócio e reverteu seu lucro para a estruturação do projeto. Logo, além dos patrocinadores do programa, empresas parceiras do evento terão a oportunidade de indicar candidatas. Projetos sociais e ONGs que trabalham com adolescentes também podem indicar”. Mais informações e inscrições pelo site www.grupovalure.com.br

Comentários Facebook