Renata Brás se inspira em personagem da “Praça” para produzir monólogo

Renata Brás
Patrícia Magalhães

Renata Brás


Renata Brás, que interpreta uma mulher possessiva que vive implicando com o marido Apolo toda quinta-feira no programa “A Praça é Nossa”, faz tanto sucesso entre o público do SBT que não pensou duas vezes: criou um espetáculo baseado em seu quadro de humor. Com direção de André Dias, “A Ciumenta” estreia na próxima sexta-feira (8), às 21h, no Teatro Itália, em São Paulo. 

“Era um sonho antigo, mas imaginei algo mais dramático no estilo de Nelson Rodrigues e Pablo Neruda”, começou dizendo ao site, para, em seguida, destacar que “escrever foi um grande desafio, pois tinha tudo na cabeça e não sabia como colocar no papel, e, então, a Samira Ramalho entrou nesse projeto e me ajudou com o roteiro”.


Renata Brás
Patrícia Magalhães

Renata Brás

Logo na sequência, a atriz, que, até o dia 12 de junho, podia ser vista no elenco da peça “Brilho Eterno”, estrelada por  Reynaldo Gianecchini e Tainá Müller, não escondeu a animação com a sua primeira obra autoral. Dessa forma, acabou adiantando algumas novidades. Uma delas é que  Cláudia Raia, Miguel Falabella e Davi Novaes participam com suas vozes em off enquanto a trama se desenrola.

Já a outra é que teve a preocupação de convidar a psicanalista Fabiana Guntovitch, que cuida da alma feminina, para que o texto tivesse uma mensagem e não fosse raso. “O ciúme pode se tornar um problema se não for bem trabalhado dentro das pessoas. Às vezes, é engraçado para quem olha de fora, mas viver uma relação com um ciúme exagerado não é legal”, acrescentou em outro momento do bate-papo.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook