Secretária se reúne com presidentes de bairros e alinha projetos para serem desenvolvidos neste ano


A secretária de Assistência Social, Ana Cristina Vieira, está alinhando, juntamente com os presidentes de bairros, projetos e ações a serem desenvolvidos no decorrer deste ano. A proposta é ajustar a estratégia de cursos a serem desenvolvidos em cada região, com a participação da população local que irá apontar o segmento para cada capacitação.

E para que a equipe da secretaria possa fazer o cronograma das atividades – a ser desenvolvida no decorrer de 2022 – a participação dos presidentes de bairros se faz necessária, uma vez que eles terão a função de ouvir os moradores e colher as informações.  

“É muito importante conhecer as demandas de cada região, e os presidentes de bairros têm essa facilidade uma vez que eles são representantes dos moradores, vivenciam os seus anseios e buscam, juntos a administração pública, soluções para as questões de sua localidade. Por isso, temos certeza de que essa parceria de serviços será boa para todos”, destacou a secretária.

Ana Cristina disse que a secretaria de Assistência Social tem feito o planejamento da estrutura organizacional e dos recursos que serão investidos neste ano, e para isso é preciso se ter um cronograma de atendimento, de serviços e ações a fim de que possam atender todas as demandas.

Com relação aos cursos que serão oferecidos nos bairros, por meio do projeto “Mulheres Empreendedoras”, é interessante saber quais são os mais procurados, e quais os moradores têm interesse em fazer, desta forma vamos destinar os cursos de acordo com o desejo da população.

“Neste mês de janeiro estamos fazendo o planejamento e cronogramas das ações, mas as atividades presenciais terão início no próximo mês, porém ainda vamos definir a data para o inicio das atividades. Por isso mesmo, nas próximas semanas serão realizadas reuniões nos Centros de Referência em Assistência Social – CRAS, dos bairros Cristo Rei, Santa Maria, Jardim Glória e São Mateus, com os presidentes de bairros de cada região, para definir os trabalhos”.

Comentários Facebook