Sedã elétrico Lucid Air quebra barreira da Tesla e faz 836 km de autonomia


source


Dream Edition Range que conta com dois motores elétricos de 1.125 cv  e vai de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos
Divulgação

Dream Edition Range que conta com dois motores elétricos de 1.125 cv e vai de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos

Até então o Model S Long Range da Tesla nadava de braçada como o veículo elétrico de maior autonomia já visto: 651 km com uma carga completa de bateria.

No entanto, a startup norte-americana  Lucid Motors  acaba de tomar o seu posto com o Lucid Air com 836 km de alcance , feito homologado pela EPA americana, entidade oficial norte-americana que determina consumos e autonomias de testes de veículos.

Um dos responsáveis pelo projeto do sedã elétrico da Lucid Motors é Peter Rawlinson, um ex-engenheiro da concorrente Tesla e atual CEO da montadora que explicou que o “alto nível de eficiência foi possível graças aos esforços para miniaturizar o sistema de propulsão, que vai funcionar a 900 volts, a maior tensão entre os elétricos no mercado”.

Versão Dream Edition Range que quebrou o recorde conta com dois motores elétricos de 946 cv.
Divulgação

Versão Dream Edition Range que quebrou o recorde conta com dois motores elétricos de 946 cv.

A versão recordista do Lucid Air é a Dream Edition Range que conta com dois motores elétricos de 1.125 cv   de potência e 101,2 kgfm de torque e capacidade de ir de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos . A velocidade final é de 270 km/h.

Leia Também

Para o mercado norte-americano, o valor começa em US$ 77.400 (cerca de R$ 400 mil em conversão direta) para a versão básica Pure (de 486 cv e autonomia de 652 km) e termina em US$ 169 mil (R$ 890 mil) na  Dream Edition Range.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook