Sedec fomenta participação de empresas mato-grossenses na Expocruz 2016

Sedec-MT

O Governo do Estado está mobilizando empresários de todos os segmentos industriais e comerciais para participarem da Feira Expocruz- maior evento multissetorial da América Latina – e da Rodada de Negócios da Cainco, que serão realizadas de 16 a 25 de setembro em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia.

As empresas mato-grossenses terão um espaço gratuito para exposição durante a 41ª edição da Feira internacional. Com o objetivo de expandir as relações comerciais entre Mato Grosso e os países andinos, a ação conta com o apoio da Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt), Famato, Associação Mato-grossense de Atacadistas e Distribuidores e a Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat). O estande de Mato Grosso na Expocruz terá 99 m² e servirá como uma ?vitrine? para os empresários que poderão expor os seus produtos e portfólio aos participantes de diversas partes do mundo.

Logo após a Expocruz, entre os dias 21 a 23 de setembro, os empresários terão a Rodada Internacional de Negócios, promovida pela Câmara de Indústria e Comércio, Serviços e Turismo de Santa Cruz (Cainco), onde será possível fazer contatos e prospectar negócios com fabricantes, importadores, exportadores, distribuidores, representantes, comerciantes, agentes comerciais e prestadores de serviços. As inscrições para participar da Cainco seguem até o dia 12 de setembro.

“A nossa intenção é dar continuidade ao projeto que estruturamos para fortalecer o comércio exterior no estado. Eventos como esses nos permitem fomentar cada vez mais e melhor a cultura da exportação dos diversos setores industriais, para isso, estaremos próximos do empresariado, inclusive do pequeno e do micro e das entidades. Como mediador nesse processo, conseguiremos detectar as dificuldades que precisam ser superadas e dar consistência de fornecimento e de venda”, afirmou o secretário adjunto de Indústria, Comércio, Minas e Energia da Sedec, Eduardo Mota.

Para o presidente da Fiemt, Jandir Milan, a participação dos empreendedores mato-grossenses nestes eventos é uma oportunidade para quem se interessa em expandir suas atividades para o mercado internacional, pois poderão divulgar os seus produtos e fazerem prospecção de novos negócios e clientes interagindo com pessoas que têm os mesmos interesses: comprar e/ou vender.

Experiências

Empresas do ramo de alimentos, energia, bebidas, móveis e de produtos para construção civil já confirmaram presença na comitiva organizada pela Sedec. Entre elas, a única empresa que fabrica água de coco e derivados em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, a Cocolândia. Criada em 2003, a empresa de Rondonópolis participará pela segunda vez da Expocruz e da Rodada de Negócios. Conforme o proprietário Rafael Vilela, os dois eventos são considerados estratégicos, sobretudo, porque buscam ampliar a capacidade produtiva da empresa que hoje é de cerca de 40%. “Ano passado fomos pela 1ª vez para a Bolívia com intuito de conhecer a estrutura, estudar as possibilidades, enxergar os potenciais de negociação. Diante da crise econômica, o mercado externo se mostra uma alternativa para quem quer expandir e incrementar a renda e são os eventos internacionais que nos permitem atualizar os conhecimentos e prospectar negócios”, explica Vilela.

O empresário destaca também que, desde a primeira participação nos eventos, vem fazendo uma série de melhorias nos seus produtos para adequá-los à exportação, pois, segundo ele, para atingir o mercado internacional, mais do que bons produtos, é preciso ter competitividade aliada à tecnologia, além da padronização e qualificação. “Atuamos no Centro-Oeste, em São Paulo e no interior de Minas, mas nossa intenção é irmos além. Hoje, o mercado interno está saturado e são poucos os incentivos governamentais para os pequenos empresários que desejam exportar. Participar de eventos que congreguem os diversos setores que fomentam as atividades econômicas visando o mercado internacional são oportunidades para fazer networking, ver de perto novas tecnologias, acessar informações do setor e fazer novos negócios”, pontua Rafael que após a participação em Santa Cruz de La Sierra pretende visitar outros países, como o Paraguai, para prospectar novos negócios e parcerias.

Inscrições

Para participar do estande de Mato Grosso na Expocruz, o empresário interessado deve entrar em contato com a Sedec – Everaldo Marques – Telefone: (65) 3613-0057/http://[email protected]

Já para a Rodada Internacional de Negócios ? Cainco, cuja inscrição se encerra em 12 de setembro, o contato é na Fiemt com Gabriela Fontes – Telefone: (65) 3611-1655/E-mail: http://[email protected] ou na Cainco com http://[email protected]

Expocruz

Em 2015, a Expocruz teve 1.570 expositores bolivianos e 780 estrangeiros, que receberam cerca de 460 mil visitantes de 23 países participantes, como Alemanha, Argentina, Áustria, Bélgica, Chile, China, Colômbia, Cuba, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Inglaterra, Itália, México, Peru, Rússia, Suíça, União Europeia e Venezuela. No total, foram movimentados US$ 99.7 milhões e com abrangência de 24 setores como couro, informática, cosméticos, alimentos e bebidas, educação, móveis, plásticos, equipamentos para confecção e joias, têxtil, construção, indústria, agroindústria e tecnologia.

Rodada de Negócios

Considerada a maior da América Latina, a Rodada contou no ano passado com a presença de 20 países e mil empresas, que participaram de mais de 10 mil reuniões e geraram US$ 204,7 milhões em intenção de negócios.

Comentários Facebook