Senadora relaciona incêndio em igreja com comunismo e ataca esquerda: “Pragas”

source
Senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) arrow-options
Geraldo Magela/Agência Senado

Senadora Soraya Thronicke (PSL-MS)

A senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) compartilhou, nesta quarta-feira (13), o vídeo de um incêndio em uma igreja do Chile, e comparou com as propostas que os “políticos de esquerda” estariam propondo. 

Leia também: Brasil pode ser o próximo? Entenda o que de fato acontece no Chile

O vídeo foi publicado originalmente na página do ex-candidato à Presidência do Chile, José Antônio Kast. “Eles celebram, aplaudem e uivam enquanto queimam e destroem uma Igreja. Eles não querem uma Assembléia Constituinte, eles procuram o caos. Chega!”, escreveu. A senadora, por sua vez, afirmou que “é isso que certos políticos” da esquerda propõe. 

“É isso que certos políticos brasileiros da esquerda estão propondo. Entendam o que é o comunismo e não votem nunca mais nessas pragas. Acordem, pelo amor de Deus!”, escreveu Soraya em sua conta do Twitter. 


Os protestos no Chile se iniciaram no dia 18 de outubro, com a revolta do movimento estudantil diante do aumento da passagem do metrô – que subiu de 800 para 830 pesos (aumento de cerca de R$ 0,17). O acontecimento foi o estopim para diversas reivindicações, que contemplam acesso à saúde, educação, aposentadorias, sistemas de capitalização e uma sociedade mais justa.

Comentários Facebook