Setasc e parceiros promovem ações voltadas à saúde mental em Cáceres

Para fomentar a conscientização e prevenção do suicídio, como parte da campanha “Setembro Amarelo”, a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT)  realizou, por meio do Centro de Referência em Direitos Humanos de Cáceres, a roda de conversa “Falar é a Melhor Solução”.

O evento, que foi realizado entre os dias 05 e 10 de setembro, contou com a participação de profissionais que atuam nas políticas de educação, saúde, assistência social e representantes da sociedade civil. O objetivo era promover o diálogo para que profissionais e demais envolvidos se tornem multiplicadores do tema em seus contextos de atuação.

Durante as ações, foram disponibilizados panfletos e informativos que esclareceram os mitos e verdades sobre o suicídio, além de orientações na busca de ajuda. A coordenadora do CRDH de Cáceres, Poliana Souza Corrêa, destacou a importância das ações desenvolvidas neste período e durante todo o ano.

“A formação visa a orientar os profissionais para que possam desenvolver diálogos voltados ao tema nas escolas, unidades básicas de saúde e de assistência social, fazendo uma grande disseminação em médio e longo prazo do assunto, que ainda é considerado um tabu”, pontuou.

Para a coordenadora do grupo de pesquisa sobre Comportamento, Identidade, Saúde Mental e Ambiente do (Cisma), Poliany Rodrigues, que conduziu a formação, o encontro proporcionou aos envolvidos a troca de experiências, angústias e dúvidas abordando também o reconhecimento de sinais do suicídio.

“No mês de prevenção ao suicídio é importante difundir a ideia de que o sentimento de acabar com a própria vida é um sintoma de um intenso sofrimento pessoal e o indivíduo que está se sentindo assim, pode procurar ajuda para lidar melhor com esse sentimento”, destacou.

A ação contou também com a parceria da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Poder Judiciário e Prefeitura Municipal de Cáceres.

Comentários Facebook