STJD não homologa resultado de Náutico x Paysandu e julgará impugnação do jogo

Náutico passou pelo Paysandu após pênalti polêmico arrow-options
Reprodução/Instagram

Náutico passou pelo Paysandu após pênalti polêmico

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) confirmou o recebimento do pedido de impugnação da partida entre Náutico e Paysandu, que resultou no acesso do time pernambucano à Série B do Campeonato Brasileiro. Em despacho, o presidente do Tribunal, Paulo César Salomão Filho, determinou que a CBF não homologue a partida.

Leia também: Cris Brittes, mulher do assassino de Daniel, deixa prisão após desabafar à juíza

Após o jogo, realizada no dia 8 de setembro, o Paysandu entrou com o pedido de impugnação alegando que o time foi prejudicado pelo árbitro Leandro Vuaden , que marcou um pênalti polêmico a favor do Náutico aos 49 minutos do segundo tempo. O pedido de impugnação por parte do Paysandu teve o apoio da Federação Paraense de Futebol.

Vuaden assinalou o pênalti após a bola tocar na mão do jogador Uchôa. O Náutico converteu a penalidade, empatou o jogo em 2 a 2 e levou a decisão para a disputa de pênaltis. Nela, o Timbu saiu vencedor e garantiu o acesso à Série B do Brasileirão.

A alegação do Paysandu é de que o árbitro cometeu “grave erro de direito ao marcar erroneamente um tiro penal”. Embora tenha acatado o pedido para o julgamento da impugnação, o STJD não irá paralisar a Série C, que está na fase semifinal. Ainda não há data para o julgamento do caso. O Náutico terá dois dias para se manifestar sobre a decisão do STJD.

STJD aceita pedido para julgamento da impugnação do jogo entre Náutico e Paysandu arrow-options
Reprodução/STJD

STJD aceita pedido para julgamento da impugnação do jogo entre Náutico e Paysandu


Após a decisão desta sexta-feira, o presidente do Paysandu, Ricardo Gluck Paul, se mostrou confiante sobre o desfecho do caso: “A gente se sente bastante recompensado por ir pessoalmente após o jogo cuidar disso. O STJD reconhece uma infração válida e a partir do momento que o processo é encaminhado já é uma vitória. Agora terá um julgamento justo com nove auditores e vamos esperar”, declarou o mandatário ao site “Diário Online”.

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook