Última turma de agentes comunitários de Rondonópolis recebe certificação do curso

EPT/Detran-MT

A última turma de agentes comunitários de saúde da Secretaria Municipal de Saúde do município de Rondonópolis será certificada nesta quarta-feira (24) pela participação no curso de Multiplicadores em Educação para o Trânsito. A certificação, que tem carga horária de 20 horas/aula, é oferecida pela Escola Pública de Trânsito (EPT) do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MT).

De acordo com o Gerente da EPT, Ederson Carlini, é importante que toda a sociedade esteja envolvida com a temática do trânsito. “Cada agente comunitário de saúde tem o contato direto com cerca de 150 famílias por dia. Com isso, os agentes têm mais proximidade e relacionamento com as famílias, onde os mesmo têm facilidade em abordar os temas de segurança no trânsito, com intuito de sensibilizar esses cidadãos”, explicou.

As aulas minitradas pelos professores da EPT, Elbes Evangelista e Cristiane Ribeiro, abordaram temas como a educação para o trânsito e valores e a importância dos agentes multiplicadores, legislação de trânsito, segurança no trânsito, noções de direção defensiva e pilotagem segura, metodologia de ensino e recursos educativos, ética, cidadania e meio ambiente.

O enfermeiro da Educação na Saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Edinaldo Souza, enfatiza que a saúde pública é um dever de todos colaborarem para sensibilizar a população das mortalidades no trânsito.

“Ações como essa da EPT vieram nos favorecer, ajudando a executar atividades de saúde pública, alertando o cidadão da educação no trânsito, de como dirigir, quais os equipamentos adequados para pilotar moto ou carregar a criança no carro, entre outros assuntos que farão a diferença”, ressalta.

O objetivo da capacitação é reduzir a violência no trânsito com parcerias que viabilizam o protagonismo social. Foram quatro turmas desde o dia 8 de agosto, formando 160 agentes comunitários de saúde.

Comentários Facebook