Varíola dos Macacos: Brasil entra em ‘alerta’ com aumento dos casos

Varíola dos macacos tem casos confirmados no Brasil
Reprodução / CNN Brasil – 17.06.2022

Varíola dos macacos tem casos confirmados no Brasil

O aumento rápido do número de casos da Varíola dos Macacos (Monkeypox) somado a pequena oferta das vacinas no mundo pode colocar o Brasil diante de mais um enorme desafio, assim como no início da pandemia da Covid19.

O Ministério da Saúde informou que até o momento o país registra 813 casos confirmados da varíola dos macacos. O Brasil é o oitavo país com maior número de contaminações, entrando na linha de atenção da Organização Mundial da Saúde (OMS). A OMS emitiu nesta terça-feira (26)  um alerta afirmando que a situação do Brasil é ‘muito preocupante’. 

No mesmo dia, a BBC publicou entrevista do médico sanitarista Nésio Fernandes, presidente do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass), onde afirma que a respostado país ao novo surto é apenas “protocolar”. 

O Ministério da Saúde informou por meio de nota que “realiza o constante monitoramento e analisa diuturnamente a situação epidemiológica para orientar as ações de vigilância e resposta à doença no Brasil”. 

E acrescentou que “antes mesmo da ocorrência de casos suspeitos ou confirmados no país, o ministério instalou uma ‘Sala de Situação’ para elaborar um plano de ação […] da melhor forma a atender a população”.

No alerta emitido pelo porta voz da OMS, Rosamund Lewis levanta dúvidas sobre uma possível subnotificação da doença, que estaria relacionada a uma ‘deficiência nos procedimentos de testagens’.   

“Além do número registrado pelas autoridades, pode estar acontecendo uma subnotificação de casos devido à falta de testagem”.

O Ministério da Saúde informou que os “testes para diagnóstico estão disponíveis para toda a população que se enquadre na definição de casos suspeitos para varíola dos macacos, sendo atualmente realizados em quatro laboratórios de referência no país”.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil articula com a OMS as tratativas para aquisição da vacina varíola dos macacos. Em reportagem publicada no O GLOBO, o governo informou que estuda a compra de 50 mil doses da vacina para atender profissionais de Saúde e grupos de risco. 

“A OMS coordena junto ao fabricante, de forma global, ampliar o acesso ao imunizante nos países com casos confirmados da doença. Vale ressaltar que a vacinação em massa não é preconizada pela OMS em países não endêmicos da doença, como o Brasil. A recomendação da vacinação, até o momento, é somente para contatos com casos suspeitos e profissionais de saúde com alto risco ocupacional ao vírus”, conclui a nota. 

Números de casos

Ministério da Saúde informa que, até o momento, 813 casos da varíola dos macacos, conhecida como monkeypox, foram confirmados no Brasil, sendo no estado de São Paulo (595), no Rio de Janeiro (109), em Minas Gerais (42), no Distrito Federal (13), no Paraná (19), no Goiás (16), na Bahia (3), no Ceará (2), no Rio Grande do Sul (3), no Rio Grande do Norte (2), no Espírito Santo (2), em Pernambuco (3), em Mato Grosso do Sul (1) e em Santa Catarina (3).

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook