Volkswagen Jetta GLI ganha preparação da Oettinger e chega nos 300 cv

source
Volkswagen Jetta GLI Oettinger arrow-options
Divulgação

VW Jetta GLi pode ter potência aumentada com aval de uma das principais preparadoras de modelos da Volkswagen

O Volkswagen Jetta GLI acaba de receber oferta de upgrade para aprimorar a esportividade. A Strasse, responsável pela preparação Oettinger, cobra R$ 13.900 para elevar a potência de 230 cv para 300 cv no motor 2.0 turbo, com torque que se eleva dos 35,7 kgfm originais para os 46,9 kgfm. Isso se deve às mudanças no gerenciamento dos parâmetros do motor, que aplica maior pressão nas turbinas.

LEIA MAIS: Audi RS3 e outros da linha chegam em versões preparadas pela Oettinger

Segundo a marca, com a preparação Oettinger, o sedã esportivo acelera de 0 a 100 km/h em 6 segundos e a velocidade máxima sobe de 250 km/h para 256 km/h. Base para a modificação, o Volkswagen Jetta GLI custa R$ 144.990 e, além do motor turbo, vem com câmbio automatizado de sete marchas e dupla embreagem. De série, tem sete lugares, faróis de LED, controle de velocidade adaptativo, frenagem de emergência, seis air bags, ar-condicionado de três zonas, câmera de ré, entre outros.

A empresa também vende o veículo já com as alterações, sendo que eventuais opcionais encomendados pelo cliente seguem a tabela de preços da VW. Mesmo que o valor final fique em R$ 158.890, ao somar o valor do carro com o preço da preparação, a Strasse não divulgou o valor do carro pronto. Quem quiser blindar o carro, também é possível solicitar o serviço junto à empresa. E para os que procuram um Jetta Oettinger mais em conta, a marca promete lançar o Jetta R-Line Oettinger com motor 1.4 TSI em meados de setembro.

LEIA MAIS: Mercedes A250 Vision: as aparências enganam

Mais VW com preparação Oettinger

VW Tiguan arrow-options
Divulgação

Volkswagen Tiguan Oettinger alia mais potência à tração integral, prometendo uma aceleração bruta

O Volkswagen Tiguan é a opção SUV para quem quer algo a mais. São cobrados R$ 13.900 para elevar a potência de 220 cv para 280 cv no motor 2.0 turbo, com torque que se eleva dos 35,6 kgfm originais para os 41,8 kgfm. Há ainda um pacote de rodas, de 19 ou 20 polegadas, com pneus de 255 mm, que custam R$ 29.900. O kit também pode ser aplicado em um carro que o cliente já tenha. O resultado é uma aceleração de 0 a 100 km/h em 6,5 segundos e velocidade máxima de 228 km/h.

O Passat, por sua vez, é o mais luxuoso a receber o pacote. Por R$ 13.900, inclui a modificação dos parâmetros do motor — com aumento da pressão do turbo — e alterações no gerenciamento eletrônico do câmbio. As modificações permitem aumentar a potência dos originais 220 cv para 300 cv, permitindo ao sedã acelerar de 0-100 km/h em 6,3 segundos e atingir os 256 km/h de velocidade máxima.

LEIA MAIS: VW Jetta GLi: nova versão esportiva está (quase) sozinha no Brasil

Por último, a picape Amarok, o cliente pode optar pelo pacote 1 (R$ 19.900) ou o 2 (R$ 24.900). Neste, além de mais acessórios e componentes de alto desempenho, desenvolve 310 cv e 66,2 kgfm. Segundo a preparadora, chega aos 100 km/h em 7,7 segundos e à velocidade máxima de 197 km/h. Isso representa um aumento de 85 cv, 10,1 kgfm e diminuição de 0,3 segundo no 0 a 100 km/h. Enquanto isso, a opção mais branda entrega 280 cv e 61,1 kgfm, que é quase 25% a mais torque que no Volkswagen Jetta GLI .

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook